Guns N Roses
  

Recentemente o Guns N’ Roses anunciou um gigantesco box set para comemorar os 30 anos do lançamento de Appetite For Destruction, seu icônico disco de estreia.

O trabalho contará com nada menos que 49 faixas nunca antes lançadas, diversas gravações raras da época, além de um livro, flyers de shows e, é claro, o álbum de estúdio remasterizado.

Mas o que alguns fãs da banda notaram é que uma faixa infame da banda ficou de fora do pacote. Trata-se de “One In A Million”, uma canção de G N’ R Lies, cuja letra está repleta de passagens controversas sobre imigrantes e negros.

A segunda estrofe da música, por exemplo, diz: “Imigrantes e viados/ Eles não fazem sentido para mim/ Eles vêm para o nosso país/ E pensam que podem fazer o que querem/ Como começar um mini Irã/ Ou espalhar alguma porra de doença/ Eles falam de tantas formas diferentes/ É tudo grego para mim”.

Há ainda outro trecho considerado por muitos como racista: “Policiais e pretos/ É isso aí/ Saiam do meu caminho/ Não preciso comprar nenhuma das suas/ Correntes de ouro hoje”, utilizando um xingamento racial forte na versão original em inglês.

Tendo em vista as visões políticas recentes de Axl Rose, é provável que a banda tenha se arrependido de ter composto a faixa e decidiu omiti-la para não causar maiores confusões.

A banda não se pronunciou oficialmente sobre o assunto.

  
Compartilhar