Entre os dias 6 e 10 de Abril desse ano o Paramore embarcou em uma viagem pelas Bahamas a bordo do seu cruzeiro temático, o Parahoy! – que em 2018 se tornou oficialmente uma tradição da banda ao completar sua 3ª edição desde a primeira viagem, em 2014.

No cruzeiro desse ano, a banda levou para o seu festival itinerante pelos mares uma tripulação de bandas amigas, como MewithoutyouNow,NowLocal Natives e o projeto paralelo do baterista Zac Farro, o Halfnoise.

Intercaladas entre as apresentações das bandas durante os quatro dias de viagem, o Paramore também fez uma série de atividades com os fãs, como sessões de Q&A (perguntas e respostas), concursos de barrigada na piscina e disputas de karaokê. Entre a programação do dia-a-dia, o trio da cidade de Nashville parou para falar com a revista Billboard sobre como o último cruzeiro quase marcou o fim da banda e o atual estado do grupo.

A vocalista Hayley Williams revelou seu pessimismo sobre o futuro do Paramore durante a edição passada do cruzeiro e disse que antes mesmo da viagem de 2016 começar, o baixista Jeremy Davis já havia manifestado o seu desejo de abandonar o grupo após os compromissos em alto mar: “Antes mesmo da gente entrar no navio eu já imaginei que a banda provavelmente acabaria quando voltássemos,” relembrou Williams.

Mais uma baixa na banda. Aí eu comecei a pensar ‘talvez seja mesmo o destino, que o nosso último show seja em um navio com todas as pessoas que mais se importam com essa banda.

A situação do grupo é bem diferente na viagem de 2018, após a reunião do grupo com o baterista da formação original, Zac Farro, e um senso de fraternidade readquirido dentro da dinâmica do Paramore.

“Estamos em uma situação bem melhor agora do que comparado a dois ou quatro anos atrás. Obviamente nós ainda somos a mesma banda, mas de algum jeito não tem nem comparação com o que éramos antes. Nosso grupo sempre atinge esses pontos baixos onde nós não sabemos se vamos conseguir continuar seguindo em frente. Mas de algum jeito, nós conseguimos,” disse o guitarrista Taylor York, enquanto Zac complementou com “Eu não voltei pra uma banda – eu consegui a minha família de volta.”

Durante um dos sets acústicos da banda ao longo dessa última edição do Parahoy, Hayley revelou que muitas das músicas do disco mais recente do grupo, After Laughtercomeçaram a tomar forma logo após o retorno do cruzeiro de 2016 e a separação não-amigável de Jeremy da banda. A publicação levantou a bola se esse cruzeiro atual traria inspiração para uma nova leva de músicas do Paramore, ao que Williams prontamente respondeu:

Você nunca sabe, certo? A forma com a qual eu funciono é compondo para músicas que o Taylor escreve. Se ele tem uma ideia e me manda a música, eu normalmente dou uma chance. Especialmente se ela me impacta de um jeito muito forte e eu me sinto inspirada na hora, é muito empolgante. Eu não acho que nós estamos planejando nada porque, para ser sincera, eu ainda estou sendo egoísta a respeito do After Laughter…eu amo tanto esse disco, e você só pode fazer turnês de um disco por vez. Eu sei que eu também vou amar qualquer coisa que nós fizermos depois. Simplesmente esse tem sido o caso com a gente. Isso é algo pelo qual temos que ser muito gratos. Mas é, não estamos planejando nada. Seria legal, eu imagino – quando a inspiração chegar.

Taylor York ainda complementou afirmando que “o último cruzeiro foi no meio de um processo de composição. Nós já tínhamos finalizado um capítulo e ainda estamos no meio de um dessa vez. Então ao menos que aconteça de um jeito aleatório e inesperado, temos que viver a vida antes de estarmos prontos para realmente mergulhar de novo nisso. Estamos tentando aproveitar o trabalho de arte que fizemos até que estejamos inspirados novamente, mas quem sabe nós não fiquemos.”

Após o tom melancólico (e ao mesmo tempo dançante) do último disco do Paramore, podemos esperar uma mudança de sentimento no próximo lançamento, pelo menos no que depender do clima vivido pela banda durante o Parahoy desse ano. Pelo menos essa é a opinião dos profissionais da segurança que trabalharam durante todos os cruzeiros, segundo Hayley:

Eu pessoalmente estou vivendo um momento bem melhor. Até os seguranças estavam tipo, ‘cara, a Hayley parece estar feliz nesse cruzeiro.’ [risos] Eu estava pensando, ‘Que merda, eu achei que estava fazendo um bom trabalho fingindo da última vez!

Os shows do Parahoy em 2018 ainda serviram para reviver uma série de músicas esquecidas pela banda em turnês recentes, como canções do primeiro disco All We Know Is Falling, lançado em 2005. Músicas como “Here We Go Again”“Brighter”“Pressure” ganharam destaque entre um dos shows no deck do cruzeiro: