“Não sei o que seria de mim”: Hayley Williams fala sobre depressão e terapia

"Se você precisa de ajuda, não subestime o poder da terapia e da conversa"

Hayley Williams em 2013
Foto de Hayley Williams via Shutterstock
 

Não é de hoje que vemos artistas que amamos sofrerem com problemas relacionados à depressão, ansiedade e outros problemas de saúde mental.

Ano passado, por exemplo, tivemos perdas trágicas de grandes músicos como Chester Bennington e Chris Cornell. Ambos já haviam falado extensivamente sobre a luta diária contra pensamentos ruins e acabaram nos deixando cedo demais.

Da mesma forma que eles, diversas pessoas que conhecemos e convivemos diariamente podem estar passando por problemas parecidos e, muitas vezes, não procuram ajuda por falta de incentivo ou por não entender a diferença que isso pode fazer em sua vida.

Pensando nisso, a cantora Hayley Williams (Paramore) escreveu uma mensagem em seu Twitter onde ressaltou a importância do auxílio médico no tratamento de depressão.

“Se eu não tivesse feito terapia e/ou tivesse um mentor com quem eu pudesse falar sobre as coisas difíceis da vida, eu não sei o que seria de mim”, disse Williams. No passado, a cantora foi muito vocal sobre depressão e problemas psicológicos.

O próprio After Laughter, o excelente último disco do Paramore, possui várias canções que entram em detalhes sobre o tema e os problemas que isso causa na vida pessoal de cada um.

Você pode conferir a mensagem completa de Williams logo abaixo.

Momento sério: se eu não tivesse feito terapia e/ou tivesse um mentor com quem eu pudesse falar sobre as coisas difíceis da vida, eu não sei o que seria de mim. Se você precisa de ajuda, não subestime o poder da terapia e da conversa. Solte tudo para fora. Muito amor para vocês 🙏🏼

Procure Ajuda!

Se você passa por problemas parecidos e gostaria de procurar algum tipo de ajuda, conheça o trabalho do CVV – Centro de Valorização da Vida.

O CVV realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, email e chat 24 horas todos os dias.

O número de telefone para entrar em contato com eles é 188. Você pode conferir a lista de estados disponíveis clicando aqui.

 
Compartilhar

Comentários