Foto: Camila Cara/Lollapalooza
 

O duo britânico Royal Blood é jovem, mas já bem conhecido pelos seus riffs grandiosos feitos com um contrabaixo repleto de pedais e efeitos para que soe como uma guitarra.

Hoje (23) no Lollapalooza Brasil, a banda mostrou que não apenas sabe o que está fazendo quando o assunto é rock and roll, como o relativamente curto tempo de estrada já ensinou boas lições de como fazer um grande show.

Mesclando sons do seu primeiro álbum com o mais recente, lançado em 2017, o duo colocou o volume do baixo/guitarra no máximo e conduziu uma multidão formada por gente que cantava junto e gente que descobriu uma banda que vai seguir por muito tempo.

Canções como “Figure It Out”, “I Only Lie When I Love You”, “Lights Out” e “Little Monster” vieram acompanhadas de grandes performances, interações com o público e o baterista Ben Thatcher tocando de pé enquanto bebia uma cerveja.

Em “Hook, Line And Sinker” veio o discurso de que “esse era o melhor lugar do mundo para tocar música” e o público passou a gritar pelo nome da banda.

Foi uma celebração incrível do bom e velho rock and roll renovado por gente nova, cheia de energia, e que tem muito a entregar. Vida longa!

 
Compartilhar