Corey Taylor, do Slipknot e Stone Sour
Foto: Reprodução / YouTube
 

Em uma recente entrevista ao site francês Musik Universe, o vocalista do Slipknot, Corey Taylor, declarou que já está trabalhando em letras para o próximo álbum da banda, que deve sair no ano que vem. Além das suas composições, ele também está recebendo músicas dos outros integrantes do grupo.

“É incrível. Isso é tudo o que eu vou dizer sobre isso. Eles estão me enviando coisas aqui e ali e é engraçado também, porque eles agem como ‘nós não queremos mandar nada até que esteja pronto’. E eu digo ‘tudo bem, tudo bem’. Tenho sido paciente”, afirma Corey Taylor sobre as contribuições para as novas faixas.

Já sobre suas composições, ele declara serem muito obscuras: “provavelmente são as mais autobiográficas que já escrevi em anos, pelo fato de ter passado por muitas coisa nos últimos anos. Agora escrevo do ponto de vista de onde eu estou, ao invés de onde eu estava. Estou escrevendo do ponto de vista de um homem que passou por muito – não apenas um jovem, mas um homem mais velho – e tentando entender as coisas”.

O músico garante que o novo disco será gravado em 2019. “Certamente em algum momento do próximo ano iremos gravar. Vamos escrever, gravar e aí iremos cair na estrada”, afirmou.

Há alguns meses, o percussionista da banda, Clown (Shawn Crahan), já havia falado sobre o Slipknot estar trabalhando em um novo disco de inéditas, porém afirmou achar que sua carreira estaria próxima de chegar ao fim. Sobre isso, Corey Taylor frisa que Shawn sempre foi a visão para o Slipknot, e sem ele, a banda desmorona. “Então, sim, se ele fosse embora, isso também seria o fim para mim. E digo isso, honestamente, de uma maneira muito positiva, porque nenhum de nós gostaria de continuar com a banda fazendo as coisas de forma incompleta”, finalizou.

     
 
Compartilhar