The Killers -
Foto: Reprodução / Youtube

Depressão, trauma e insegurança são assuntos delicados e que devem ser abordados e retratados. A banda The Killers entendeu bem essa mensagem e fez dessas perturbações o tema da canção “Rut“, que ganhou nesta quarta (10) um clipe reflexivo e ao mesmo tempo emocionante.

O sensível vídeo conta uma história a partir do ponto de vista de uma mulher que sofre de solidão e depressão, e isso é visto ao longo de toda a sua vida, já que duas atrizes, uma criança e uma adulta, revezam o mesmo papel na produção. A fase adulta da atriz não consegue se esquecer dos problemas traumáticos que teve em seu passado.

O vídeo foi dirigido por Danny Drysdale, que já trabalhou anteriormente com a banda. Ele também foi o responsável pela direção dos clipes das músicas “Human” e “The World We Live In“, ambas presentes no álbum Day & Age, de 2008.

 

Baseado em fatos reais

Brandon Flowers e Tana Mundkowsky
Brandon Flowers e Tana Mundkowsky. Foto: Reprodução / Tumblr

“Rut” foi escrita pelo vocalista Brandon Flowers, e é inspirada na história de sua esposa, Tana Mundkowsky. Aliás, parte do último álbum do grupo, Wonderful Wonderful, foi escrito baseado nela. Tana sofre de estresse pós-traumático desde sua infância.

De uns tempos para cá, sua situação foi ficando cada vez mais crítica, o que levou Brandon a cancelar alguns shows durante a turnê de seu segundo álbum solo, The Desired Effect, em meados de 2015. Em entrevista à Q Magazine, ele explicou o motivo do cancelamento: sua esposa estava começando a ter pensamentos suicidas. Os traumas de infância levaram Brandon a tomar a decisão de se mudar, junto a sua família, de Las Vegas para Utah, para levar Tana para longe dos problemas que a afligem.

Esse assunto também apareceu em um episódio recente do podcast Song Exploder. Flowers explicou melhor a canção:

Essa música é sobre o ponto de vista da minha esposa, e a letra é como se fosse da perspectiva dela. É sobre resiliência. É como se ela estivesse cantando para mim. É quase como o que é apresentado na canção. É a aceitação dela, algo como ‘estou encarando essa coisa’.

Depressão é um assunto sério e não permite brincadeiras. Diversos artistas já passaram por isso, como Hayley Williams, Corey Taylor, Eddie Vedder e Jim Carrey.

Confira no player abaixo o resultado final do videoclipe: