Black Eyed Peas está de volta e protesta com a inédita “Street Livin'”

"Eles descarrilharam o trem da alma e colocaram um pesadelo em todos os Martin Luther King", diz uma passagem da música, lotada de críticas à supremacia branca

Black Eyed Peas em 2018
Foto: Divulgação
 

Se você tem viveu o mundo da música nos últimos anos, certamente conhece o Black Eyed Peas. Seja das rádios, da televisão, de festas… Eles foram uma sensação incomparável da música pop ao longo da década passada. Pois bem, eles estão de volta, na novíssima “Street Livin’“.

No entanto, a estética da música pode parecer estranha à primeira ouvida para quem se acostumou com os últimos sons do grupo, isso porque a banda optou por uma estrutura mais clássica do hip-hop no novo single, remetendo ao início da carreira.

A sonoridade da nova faixa se assemelha muito ao início do Black Eyed Peas, na época do lançamento do álbum de estreia Bridging the Gap, de 2000, e é uma canção de protesto.

 

Acima de tudo, um pedido por mudança

Mais crítica do que o pop que fez o grupo famoso, a canção fala sobre a supremacia dos brancos em nossa sociedade. Os versos também discutem a brutalidade policial, o sistema de justiça e a política de imigração.

O videoclipe traz uma proposta interessante. Apesar de não contar com os integrantes do grupo, ele tem uma edição criativa que coloca pessoas em fotos em preto e branco para cantar os versos da música. As fotos delatam os temas da música e condizem com a letra. Alguns exemplos de fotos mostram protestos, policiais usando seu poder abusivo contra negros, e insatisfação.

No site oficial do grupo foi lançada uma campanha em parceria com diversos órgãos sociais com o intuito de mudar gradativamente as políticas carcerárias, de imigração, e de armamento. Adicionando o seu nome ao projeto, gratuitamente, você será alertado sobre ações para mudar esse cenário.

 

Como vai ser a partir de agora?

Foi quase uma década sem novidades de um dos grupos de hip-hop mais famosos da história. O último álbum de estúdio, The Beginning, foi lançado em 2010. Durante esse intervalo, no entanto, o grupo lançou, em 2016, uma nova versão para a faixa “Where is the Love?“.

Um dos elementos mais perceptíveis ao ouvir “Street Livin'” é a ausência de Fergie, vocalista do grupo ao lado de will.i.am. Há muito tempo se fala sobre sua saída do grupo, além de especulações para uma possível substituta.

Mas agora o BEP está de volta com o trio will.i.am., Taboo e Apl.de.ap. Um novo disco já está sendo preparado, e pode ser que seja lançado ainda este ano. A saída de Fergie ainda não foi confirmada oficialmente, mas ultimamente a cantora anda trabalhando na divulgação de seu segundo álbum solo de estúdio, Double Dutchess, lançado ano passado.

O final do vídeo deixa a entender que a música tem relação com o projeto Masters of the Sun. Trata-se de uma novela gráfica lançada pelo grupo em 2017. Uma experiência de realidade virtual está sendo planejada para estrear durante o Sundance Film Festival, ainda em Janeiro. O projeto será narrado pelo famoso cartunista Stan Lee.

Confira abaixo o clipe de “Street Livin'”, o primeiro passo da nova fase da carreira dos Black Eyed Peas:

Comentários