Beyoncé - Lemonade
Foto: Divulgação
 

Que elas dominam o mundo, como já diria Beyoncé, todos nós já sabemos. Mas já se perguntou qual delas é mais bem paga?

A revista Forbes fez recentemente uma lista contendo as 10 mulheres mais bem pagas na indústria fonográfica no último ano.

A pesquisa usou como base o período entre os dias 1 de Junho de 2016 até exatamente um ano depois. Nomes como Madonna, Lady Gaga, Selena Gomez e Ariana Grande, apesar de terem dois dígitos de milhão no arrecadamento, acabaram não entrando para a lista.

No top 10, aparecem nomes como Rihanna, Barbara Streisand e Celine Dion, mas nenhum desses nomes, em 2017, superou Beyoncé. Neste ano, a cantora faturou nada menos do que 105 milhões de dólares.

Para se ter uma noção do panorama, a segunda colocada no ranking, Adele, faturou “apenas” 69 milhões. A terceira colocada foi Taylor Swift, que atualmente está colhendo os frutos de seu mais novo álbum Reputation.

Confira abaixo a lista completa e as respectivas quantias:

  1. Beyoncé (105 milhões de dólares)
  2. Adele (69 milhões de dólares)
  3. Taylor Swift (44 milhões de dólares)
  4. Celine Dion (42 milhões de dólares)
  5. Jennifer Lopez (38 milhões de dólares)
  6. Dolly Parton (37 milhões de dólares)
  7. Rihanna (36 milhões de dólares)
  8. Britney Spears (34 milhões de dólares)
  9. Katy Perry (33 milhões de dólares)
  10. Barbara Streisand (30 milhões de dólares)

 

Mas e no geral?

Diddy
Foto: Divulgação

Ainda de acordo com levantamentos da Forbes, o artista mais bem pago da indústria não é Beyoncé. A Queen B aparece como segunda colocada em lista feita para mostrar os mais bem pagos do ano, incluindo homens e mulheres. O primeiro colocado foi o produtor Sean Combs, conhecido como Puff Daddy, Diddy ou Brother Love.

Combs aparece com uma renda de 130 milhões de dólares. Em um ano, Beyoncé subiu 32 posições no ranking, muito devido ao seu aclamado Lemonade, lançado ano passado.

A distribuição por gênero no ranking geral ainda mostra vantagem para os homens. Do total das celebridades mais bem pagas, apenas 16% são mulheres. E não apenas do mundo da música. Nomes como o da escritora J.K. Rolling e de Kylie Jenner (da série Keeping Up With the Kardashians) também aparecem na lista.

A renda de outros artistas como Drake e The Weeknd, fora o da banda Coldplay, superam a de Adele, segunda colocada na lista feminina.