Foto: Reprodução/YouTube
 
Ouça o novo single da Majur!

Ontem (18), o mundo da música perdeu mais uma lenda do rock: Malcolm Young, um dos fundadores do AC/DC, faleceu aos 64 anos.

Ao longo desse último dia, uma série de músicos prestou homenagem ao guitarrista. Agora, Dave Grohl publicou nas redes sociais do Foo Fighters uma carta comentando sobre como Young — e seu grupo — o inspiraram a formar sua própria banda.

37 anos atrás, meu amigo Larry Hinkel e eu fomos ver um filme na sessão da meia-noite no Uptown Theater em Washington, DC. Nós tínhamos 11 anos de idade. O filme era ‘Let There Be Rock’. E ele mudou minha vida.

Aquele filme, uma performance ao vivo do AC/DC em Paris no ano de 1979 era tudo o que o rock n’ roll deveria ser. Suado. Solto. Barulhento. Uma performance implacável da banda perfeita. Foi a primeira vez que eu perdi controle com música. A primeira vez em que eu quis estar numa banda. Eu não queria mais tocar a minha guitarra, eu queria quebrá-la.

Obrigado, Malcolm, pelas músicas, pelo sentimento, pelo estilo e pelos anos perdendo o controle para o seu rock n’ roll. Eu vou fazer isso essa noite por você. RIP.

Durante o show do Foo Fighters que aconteceu ontem no México, no Corona Festival, a banda de Grohl iniciou o show com uma foto do guitarrista no telão e uma cover de “Let There Be Rock”, que é tocada pelo grupo constantemente.

Assista:

Posted by Foo Fighters on Saturday, November 18, 2017

     
 
Compartilhar