Brian Molko
Foto: Wikimedia Commons
 

O Placebo está em turnê para celebrar os 20 anos da banda e o setlist é um grande apanhado do que Brian Molko e companhia lançaram até aqui, incluindo dois clássicos antigos da banda: “Nancy Boy” e “Pure Morning“.

O líder da banda disse que foi muito legal desenterrar essas músicas porque acharam que seria chato tocá-las, mas acabou sendo muito gratificante. No entanto, Molko disse que não considera as músicas das melhores no quesito composição, e que tocar uma música que fale a verdade para eles vale muito mais do que apenas agradar a plateia, portanto é “bastante possível que não iremos tocá-las novamente, ou talvez vocês tenham de esperar mais dez anos por isso”.

Bem, não acho que elas sejam das minhas melhores letras. Acho que são bastante inocentes. Gosto do instrumental da ‘Pure Morning‘, mas não curto tanto a letra. Gravamos ela em uma sessão de b-sides e nunca imaginamos que poderia ser um single. Eu só criei uma letra bem rápido na hora sem prestar muita atenção. Se eu soubesse que viraria single, provavelmente teria trabalhado mais a letra.

Não queremos subir ao palco e fazer um show mecânico – queremos subir lá e falar a nossa verdade. Precisamos de uma conexão emocional ao material que estamos tocando e precisamos acreditar muito nisso para que consigamos tocar. Isso é mais importante para nós do que só deixar o público feliz.