Foto: Reprodução/YouTube
 

Em quase todos os shows de sua última turnê aparecia algum fã brasileiro que fazia Adele prometer que se apresentaria no país. Como bem sabemos, isso não aconteceu. Apesar da imprensa alardear sobre uma possível passagem da cantora por aqui, ela acabou nunca vindo. Alexandre Faria, novo diretor da empresa Live Nation no Brasil, explicou o que aconteceu.

Em entrevista concedida ao site Billboard, o empresário revelou que Adele tinha a intenção de trazer a turnê para a América do Sul, mas acabou preferindo ir à Austrália. Além disso, o zika vírus pode ter sido um empecilho também:

Ela tinha um período pra América do Sul em março de 2017. Mas ela acabou fazendo Austrália. Porque muitas vezes a gente compete também com outros territórios, foi uma opção da produção dela. E tinha aquele lance do zika vírus aqui no Brasil… isso atrapalhou.

Alexandre também comentou o fator de que a cantora talvez não estivesse preparada para uma turnê grandiosa como foi a do 25:

A Adele nunca tinha sido testada fisicamente numa turnê desse tamanho e ela pensou que não fosse aguentar no meio do negócio. Eu já estive em turnê com vários artistas e eles chegam num estágio de cansaço muito grande. Você não lembra o número do quarto do hotel nem a cidade… cê não sabe onde você está. Avião-show-avião-show.

Só nos resta torcer que a artista volte em breve e mostre ao vivo aos fãs brasileiros todo o seu talento.