Josh Homme
Foto via Shutterstock
 

Foto de Josh Homme via Shutterstock

Em 2017 o Queens Of The Stone Age irá lançar um novo disco de estúdio, sucessor de …Like Clockwork, lançado em 2013.

A banda tem feito mistério a respeito do álbum com teasers, mas agora Josh Homme conversou com a rádio Rock FM, da Nova Zelândia, e descreveu o trabalho de forma bastante empolgada:

Eu sinto que estamos escorados no portão esperando para que alguém o abra e a gente possa seguir em frente. Eu acho que o disco também é assim – ele é bem pra cima. O último disco tinha a ver com atravessar dificuldades, agora nós atravessamos e chegamos ao outro lado; estamos prontos para fazer barulho.

Josh não revelou a data de lançamento do álbum e disse que até lá haverá uma espécie de “esconde-esconde do Rock And Roll”, com a banda disponibilizando pistas aqui e ali.

A declaração mais contundente, porém, veio quando ele explicou a sonoridade e as letras do álbum:

Eu sempre acreditei que o presente é tudo que você tem. Sendo assim, eu não fico muito nostálgico; eu acho que a coisa mais difícil é fazer do seu último disco o seu melhor disco.

E a única forma de fazer isso é se concentrar naquele que está fazendo, e torná-lo cheio de riscos, sendo vulnerável e fazendo apostas.

Esse álbum é uma maneira musical de explicar um período de vida. Então o disco mais importante que eu faço é aquele em que estou trabalhando. Pela falta de um termo melhor, eu aposto a minha vida nele. Se você não arriscar nada, não irá conseguir nada. Eu não quero me copiar, eu só quero dar outra chance a isso. Dessa forma é sempre excitante.

A banda irá iniciar uma turnê por Nova Zelândia e Austrália no dia 13 de Julho e já prometeu que antes disso uma música inédita será lançada.

Aguardemos.