Já se passaram quatro dias da morte repentina de Chris Cornell e parece que, felizmente, ainda teremos várias belíssimas homenagens pela frente.

Mostramos por aqui a apresentação que o Linkin Park dedicou ao saudoso músico, e neste final de semana outras diversas bandas e artistas fizeram tributos a Cornell durante seus shows.

O U2, tocando para 100 mil pessoas, entrou no palco ao som de “Black Hole Sun” — faixa do Soundgarden que se mostrou preferida durante as homenagens — e mais para frente dedicou “Running To Stand Still” para o “leão que era Chris Cornell”. Tom Morello (Audioslave) postou em seu Instagram uma imagem do show no Rose Bowl Stadium dizendo que a banda “acalmou” sua alma.

Veja os vídeos abaixo:

O Incubus, tocando no KROQ Weenie Roast Y Fiesta, na Califórnia, se uniu ao vocalista do Cage The Elephant, Matthew Shultz, para tocar “Black Hole Sun” enquanto uma foto de Cornell aparecia no telão.

O frontman Brandon Boyd declarou: “Ele me ensinou como ser pesado e procurar pela beleza ao mesmo tempo. Ele era uma enorme influência para mim, para a minha banda e outras tantas aqui esta noite. […] Chris, te amo onde quer que esteja.”

Durante o show do Metallica na última sexta (19), no Massachusetts, o baixista Robert Trujillo homenageou Cornell tocando o refrão de “Black Hole Sun” em seu solo de baixo na música “Halo On Fire”.

A banda divulgou o vídeo em seu Instagram, veja abaixo:

Uma das homenagens mais bonitas foi a do Aerosmith, durante seu show na Georgia, no sábado (20).

Na volta do bis, a banda colocou “Black Hole Sun” para tocar junto de uma foto de Chris no telão, e logo depois Steven Tyler foi ao piano para tocar “Dream On”, dedicada ao saudoso músico.

Veja:

Mais um a fazer sua versão da icônica faixa do Soundgarden foi Ryan Adams durante sua apresentação em Auckland, na Nova Zelândia.

Confira:

LEIA TAMBÉM: É impossível não se emocionar com esse tributo a Chris Cornell