Jerry Adriani, ídolo da Jovem Guarda, morre aos 70 anos

   

Jerry Adriani, um dos grandes nomes da Jovem Guarda, faleceu hoje no Rio de Janeiro aos 70 anos de idade.

O cantor enfrentou uma trombose em uma das pernas nos últimos anos, e mais recentemente, vinha lutando contra um câncer. Jerry havia deixa a UTI do hospital apresentando melhoras na última terça-feira (18), mas não resistiu ao tratamento.

De acordo com a família do artista, ainda não há informações sobre velório e sepultamento de Adriani. O cantor faleceu no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

Que descanse em paz.

Jerry Adriani

Nascido em São Paulo, Jair Alves de Souza adotou o nome artístico Jerry Adriani nos anos 60 para encarnar sua “persona italiana”, responsável pelo primeiro disco da carreira: Italianíssimo.

Em 1965 passou a cantar em português no disco Um grande amor, e também virou apresentador de TV no programa Excelsior a Go Go, além de atuar em diversos filmes.

Jerry foi uma das pessoas a apoiar e colaborar com Raul Seixas no início da carreira do cantor, que inclusive produziu canções com Adriani nos anos que se seguiram. Na década de 90, o artista regravou músicas do Legião Urbana em italiano para o disco Forza Sempre (1999).

A última turnê do cantor foi em 2014, ao completar 50 anos de carreira.

 

Deslize a tela para baixo e continue lendo as notícias do TMDQA! automaticamente!

 
Compartilhar

Comentários