Katy Perry admite já ter protestado em shows de Madonna e Marilyn Manson

Antes da fama, cantora vivia ambiente religioso

 

Foto de Katy Perry via Shutterstock

Katy Perry, que cresceu em ambiente cristão e iniciou sua carreira como cantora gospel, recentemente foi entrevistada pela revista Vogue e, em dado momento, disse que quando mais nova já chegou a protestar em frente a shows de Madonna e Marilyn Manson, e que só conhecia os dois por causa destes protestos religiosos.

Katy disse que até panfletou pelas ruas com os dizeres “Como Encontrar Deus” em um show do Manson em Santa Barbara e que acabou indo ao show depois, achando tudo “muito interessante e estranho”.

Por ser um ambiente muito conservador em grande parte das vezes, a cantora admitiu que seus pais votaram em Donald Trump e que sua infância era basicamente ir à igreja durante o dia e noite no Domingo, assim como às quartas-feiras e que ainda possui algumas dessas camadas saindo de si.

Durante a campanha que elegeu o atual presidente dos Estados Unidos, Katy Perry deixou bem clara a sua posição a favor da outra candidata, Hillary Clinton.

Vale lembrar que Katy Perry está trabalhando em um novo álbum e já divulgou o single “Chained To The Rhythm”, com um clipe que faz uma série de protestos à sociedade norte-americana.

 
 Deslize a tela para baixo e continue lendo as notícias do TMDQA automaticamente! 

Comentários