Jonathan Lipnicki, estrela de Jerry Maguire e Stuart Little fala sobre ansiedade e depressão causados por Bullying

"É triste quando tiram sarro de você pela coisa que você mais ama fazer"

Jonathan Lipnicki - Jerry Maguire
 

O ator Jonathan Lipnicki tinha apenas seis anos de idade quando encantou o mundo com seu papel no icônico filme Jerry Maguire, de 1996, que estrelava Tom Cruise e Renee Zellweger.

Mas ao invés de receber o carinho que muitos atores mirins recebem, Lipnicki passou por períodos difíceis após interpretar o personagem. Agora, com 26 anos, o ator deu uma entrevista reveladora para o TooFab onde comentou sobre um post recente que fez em seu Instagram, quando revelou o bullying que sofria por boa parte da sua vida e como isso afetou sua saúde mental.

Na entrevista, o ator revelou ter crises de ansiedade e depressão.

Eu estive em tratamento por um longo período porque eu tinha um problema muito sério com ansiedade e depressão. Eu sentia como se eu não soubesse como minha vida acabaria. Foi o ponto mais baixo da minha vida.

O ator ainda revelou que “não havia passado um dia sem ter sido chamado por algum termo homossexual” durante todos os dias de seu ensino fundamental.

No post, que você pode conferir logo abaixo, Lipnicki resolveu abrir o jogo sobre sua infância:

Quando criança/adolescente, eu era zoado incessantemente por pessoas que agora são até mesmo meus amigos no Facebook. Eles me diziam que ‘já tinha passado meu momento’ e que eu nunca arranjaria outro trabalho novamente.

Tudo que eu quis fazer a minha vida inteira era cinema. Virar motivo de piada pela coisa que você mais ama fazer e ouvir que você não será um sucesso é difícil. Havia até alguns professores que me chamavam de preguiçoso, mas depois eu descobri que tinha um problema de aprendizagem chamado disgrafia.

As pessoas escrevem coisas horríveis online, mas elas nunca me afetaram. Foram as coisas ditas cara a cara, tipo, ‘Você nunca será um sucesso, você é inútil’ que me pegaram.

Felizmente, o ator parece estar superando as dificuldades, mas confessa que continua sua luta todos os dias. O segredo, diz ele, é “encontrar um canal”. “Seja o que for, só seja o melhor que você possa ser. Saiba que tudo acaba melhorando. Eu nunca estive tão bem porque eu estou me esforçando muito para [fazer] o que eu amo”.

Seu novo filme, Pitching Tents, irá estrear em 31 de Março.

 Deslize a tela para baixo e continue lendo as notícias do TMDQA automaticamente! 

Comentários