Que comece a treta!

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, respondeu às várias críticas que recebeu durante a cerimônia do Oscar no último domingo vindas de diretores e atores. Ao citar a grande confusão no final com a entrega do prêmio de Melhor Filme, em entrevista ao Breitbart, Trump disse:

Eles estavam tão focados em política que no fim não conseguiram fazer o básico da cerimônia direito.

Durante a cerimônia, Trump recebeu diversas críticas da classe artística e o presidente também foi alvo de piadas do apresentador Jimmy Kimmel, que usou o Twitter para criticar o presidente durante a cerimônia.

“Foi um pouco triste”, disse Trump.

Isso tirou o glamour do Oscar. Eu já estive no Oscar. Estava faltando algo muito especial, e o final daquele jeito foi triste.

No fim da cerimônia, o melhor filme foi anunciado como sendo La La Land, mas de fato o premiado era Moonlight. Durante o discurso de premiação, o envelope correto foi encontrado, causando a maior confusão em cima do palco e encerrando a cerimônia de um jeito nada bonito de se ver.

Outro erro durante a festa do último domingo apareceu no Memorial, quando a produtora australiana Jan Chapman apareceu entre os mortos do último ano. O problema é que ela está vivinha da silva e, ao lado de sua foto, aparecia o nome de sua amiga Janet Paterson, essa sim, uma grande designer de figurinos australiana, morta em Outubro de 2016.