Billy Corgan é comparado a Donald Trump por ex-colega de banda

"Ele tem milhões de dólares. Ele tem o ego. Ele ama a 'mentalidade bully'."

Billy Corgan
   

Após o primeiro hiato do Smashing Pumpkins no começo dos anos 2000, Billy Corgan formou o grupo Zwan junto de membros do Slint, A Perfect Circle, Tortoise e Chavez. Junto, o grupo lançou somente um disco: Mary Star of the Sea em 2003.

Um dos colegas de banda de Corgan era o guitarrista David Pajo, que recentemente soltou algumas palavras nem um pouco amigáveis em direção a seu ex-colega de banda através do podcast Kreative Kontrol. Em certo momento, Pajo comparou o frontman do Smashing Pumpkins ao atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Quando a campanha estava acontecendo, eu estava tipo ‘Wow, Trump é tão parecido com Corgan’. Eu tenho certeza que o Billy ama esse cara. Eu sei que ele é um apoiador do Trump. Ele tem que ser.

Ele tem milhões de dólares. Ele tem o ego. Ele ama a ‘mentalidade bully’. Eu não estou em contato com ele, e eu não quero falar mal dele. Mas eu não ficaria surpreso se ele fosse um apoiador do Trump. Na real, eu ficaria mais surpreso se ele não fosse.

Corgan convincentemente consegue se mostrar como uma pessoa liberal sensível, mas talvez agora que o Trump tornou ‘ok’ não agir desse modo, para pessoas como ele, ele pode começar a falar isso.

Além disso, Pajo também comentou que Corgan tem uma certa “paranoia” com vendas de álbuns e com possíveis bandas “concorrentes”.

Quando os últimos álbuns do Smashing Pumpkins não venderam tão bem, Billy começou a reclamar sobre como ele estava desapontado com seus fãs por não entender o álbum e não comprá-lo. Isso é algo tão estranho pra mim [risos]. De repreender seus fãs por não comprar seu disco. Mas esse é o jeito que ele pensa. E quando bandas como The White Stripes ou o Yeah Yeah Yeahs e Interpol estavam começando na cena de Nova York, ele comentava comigo, tipo, que para ele essas eram bandas pequenas. Ele falava tipo, ‘os maiores álbuns do White Stripes venderam esse tanto; meus álbuns totalmente destruíram os deles!’.

Você pode ouvir o podcast na íntegra logo abaixo.

Recentemente Corgan falou, em vídeo, que não crê mais no poder da música para transformar o mundo e falou até mesmo em uma “festa Illuminati”.

 

Deslize a tela para baixo e continue lendo as notícias do TMDQA! automaticamente!

 

Comentários