Guns N’ Roses teria banido canal de notícias após críticas ao peso de Axl Rose

"Claro, Axl Rose ganhou alguns [quilos] na cintura, perdeu alguns nos pulmões, e aparentemente tem mais chapéus que a Rainha"

 

O escritor Bernard Zuel está afirmando que o Guns N’ Roses rompeu a cobertura da sua turnê australiana pela empresa Fairfax Media, que por sua vez controla o Sydney Morning Herald, que recentemente publicou algumas palavras nada simpáticas em relação ao frontman Axl Rose.

Claro, Axl Rose ganhou alguns [quilos] na cintura, perdeu alguns nos pulmões, aparentemente tem mais chapéus que a Rainha (pelo menos três só essa noite), veste uma flanela ao redor de sua cintura sei lá por que motivo e sente vontade de trocar de camisas nada menos que sete vezes ao longo do show.

Sim, ele é um frontman tão antipático quanto você imaginaria. Mas ele também era uma peste há 20 anos e bom, combina com ele.

Eles não pararam por aí.

Até mesmo um Axl desmembrado flutuando em nuvens com um boné de baseball vermelho com água de mentira caindo pelos telões não pode arruinar ‘November Rain’.

Daí no final das contas, o jornalista que deveria fazer a resenha do show da banda reclamou no Twitter de que seu jornal — que pertence à Fairfax — foi proibido de cobrir o evento pela administração do Guns.

E aí, você acha que foi justificado ou não?

Comentários