Dead Kennedys recebeu convite para se reunir em 2017, mas Jello Biafra disse não

Infelizmente parece que a treta continua mesmo após 30 anos

Dead Kennedys com o Jello Biafra

Uma das mais influentes bandas da história do punk rock e hardcore, o Dead Kennedys, tem sua carreira no meio de uma situação bastante chata.

Em 1986 o vocalista Jello Biafra se desentendeu com os outros integrantes do grupo e de lá pra cá, nos últimos 31 anos, parece que os problemas entre eles continuam bastante vivos, pelo menos para o responsável pelas vozes da banda.

Prova disso é que o guitarrista East Bay Ray publicou recentemente um texto em sua página do Facebook dizendo que a banda poderia se reunir em 2017 e que todos os integrantes estavam interessados na proposta, menos um:

O Dead Kennedys recebeu uma proposta sincera para fazer um show de reunião no Riot Fest de Chicago nesse Outono. Jello Biafra recusou. Klaus Flouride, DH Peligro e eu estávamos empolgados para que isso acontecesse.

Ainda de acordo com o site Punknews, Jello foi contatado através de sua gravadora, a Alternative Tentacles, que se recusou a dar uma declaração oficial sobre o caso.

O último disco da banda, Bedtime for Democracy, foi lançado justamente em 1986.

LEIA TAMBÉM: Jello Biafra surta com eleição de Donald Trump em vídeo – “COMO VOCÊS PODEM SER TÃO BURROS?”

Dead Kennedys had a sincere invitation to play a reunion show at Riot Fest in Chicago this fall. Jello Biafra turned it down. Klaus Flouride, DH Peligro and I were looking forward to doing it

Posted by East Bay Ray on Wednesday, February 15, 2017

 

Jello Biafra tem uma carreira solo relativamente prolífica, e seu último disco é White People And The Damage Done, ao lado da banda The Guantanamo School Of Medicine.

Comentários