Miou: Felipe Dylon retira música do ar após ser acusado de plagiar Twenty One Pilots

Aconselhado pela mãe e empresária, músico vai rearranjar a canção

Nós te mostramos ontem mesmo que o Musa-do-Verão-boy, Felipe Dylon, havia lançado um novo single na intenção de recomeçar sua carreira musical.

O destaque de “Para Tudo” ficou por conta da similaridade que a canção tem com “Ride”, single de 2015 do estouradíssimo duo americano Twenty One Pilots. E sendo bem sincera, “similaridade” não é nem a palavra correta: a impressão que ficou é que o cantor brasileiro simplesmente escreveu uma nova letra em cima do instrumental original da música, alterando apenas alguns sons.

Se ele fez de propósito ou se armaram para o cara, não dá pra saber. Mas depois da repercussão negativa que seu trabalho tomou na internet, Dylon e sua empresária Maria Lucia Priolli – que também é sua mãe – decidiram por retirar o single do ar. Antes da decisão, Felipe negou em entrevista ao Globo que a música fosse uma versão ou um plágio do hit do TØP:

No estúdio, estudamos muito a música lá de fora, da cena londrina, para tentarmos fazer uma coisa legal e que tenha a que ver com o que está bombando. Ouvimos muitas bandas do perfil do Twenty One Pilots. É uma referência bacana. Mas a gente procura fazer diferente, não é uma versão. “Para tudo!” é um pop reggae eletrônico, com umas coisas meio afro, bem brasileira.

É, a explicação não colou muito, e hoje o cantor se limitou apenas a comunicar via Twitter que a canção foi excluída e será rearranjada. Já seu produtor, Zé Henrique, declarou que não quer “ter nenhum problema desta natureza”, portanto há também a possibilidade de Felipe Dylon desistir por completo do single.

A fanbase do duo americano ficou bem irritada e chegou a denunciar, em inglês, o músico para a equipe do Twenty One Pilots via Twitter. Calma, gente.

Você ainda pode ouvir a música ao fim da matéria e compará-la com “Ride”.

Comentários