(créditos: Adam Cook/Twentyfourcore)
 

A banda americana de metal Disturbed fez o último show do ano na última sexta-feira, em Auckland, na Nova Zelândia. E escolheu um jeito bem foda de encerrar 2016.

Existe coisa melhor que um artista pode fazer do que demonstrar atenção e carinho pelos fãs?

Após uma pausa no show, os caras voltaram pro palco dizendo que precisavam fazer algo. O vocalista, David Draiman disse que não pôde deixar de notar um cadeirante que estava acompanhando o show na grade. Isso mesmo, o fã, chamado Pete, mesmo com o problema de mobilidade, estava na primeira fila, no meio da galera.

Sem pensar duas vezes, o Disturbed coloca o cara no palco, dá a ele uma série de presentes e manda ver no resto do set, sempre com o fã lá, no melhor lugar possível.

David Draiman ainda aproveitou pra “cutucar” outros gêneros musicais:

Essa é a diferença entre outros gêneros e o heavy metal. Vocês não verão essa coragem e essa força em um show de pop. Vocês acham que alguém teria culhões para enfrentar a multidão em uma cadeira de rodas no show da Britney Spears? Não senhores. Essa é a paixão pelo rock n’ roll.

E o melhor: tudo foi registrado em vídeo e divulgado no Facebook oficial do Disturbed. Assista abaixo.

Auckland Pete

One incredible fan in Auckland is given an on-stage view for our final show of the Japan/Australia/New Zealand tour! #disturbedtour2016 #AucklandPete

Publicado por Disturbed em Domingo, 20 de novembro de 2016

 

Turnê do álbum novo

O Disturbed voltará aos palcos no dia 7 de janeiro, em Dublin, na Irlanda. Depois, a banda de metal vai continuar a turnê do disco Immortalized, o sexto da carreira, pelo Reino Unido.

Os caras estiveram no Brasil em setembro, no Maximus Festival, em São Paulo.