O rapper Kanye West não votou nas últimas eleições para o cargo de Presidente dos Estados Unidos.

Há algum tempo ele já havia deixado bem claro que não o faria por uma série de motivos, mas em um show que aconteceu ontem à noite em San Jose, na Califórnia, o sempre polêmico músico falou sobre as eleições e disse em quem votaria:

Eu disse a todos vocês que não votei, certo? Mas se eu tivesse votado, teria sido em Trump. Especificamente para os negros, parem de se concentrar no racismo. O mundo é racista, ok? Vamos parar de se distrair para se concentrar nisso tanto assim.

Há métodos não políticos de discurso que eu gosto, que eu sinto que são futuristas. E esse estilo, e esse método de comunicação tem provado que pode vencer um método politicamente correto de comunicação. E eu gosto disso.

A abordagem de Trump não foi apenas divertida – eu realmente acho que foi genial. Porque funcionou pra caralho!

Às vezes coisas que você acha que são ruins precisam acontecer para que que a merda da mudança aconteça. Às vezes você precisa que as coisas aconteçam da forma que você não quer para realmente entender o que fazer no futuro e conseguir o que deseja.

Há relatos de que ao abordar o tema, Kanye West foi bastante vaiado, e é de se imaginar que isso tenha acontecido mesmo já que o show foi na Califórnia, estado onde o Partido Democrata, adversário de Donald Trump, tem imensa maioria em praticamente todas as eleições.

Outro motivo para as vaias é que ele interrompeu o show por mais de 10 minutos para falar a respeito do assunto.

Kanye West 2020

Vale lembrar que o rapper já falou que gostaria de ser candidato à Presidência dos Estados Unidos em 2020.

Recentemente até casas de apostas o colocaram entre os possíveis nomes ao lado de um ícone do heavy metal.

   
 
FontePitchfork
Compartilhar