Billie Joe, do Green Day, no programa de Conan
 

Billie Joe e seu Green Day foram claramente contra o agora presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, e têm comentado a respeito do resultado das eleições.

Em sua conta oficial no Instagram, o vocalista, guitarrista e principal compositor da banda falou sobre como o progresso social dos EUA foi “golpeado no rosto de forma dura”, e mandou um recado a intolerantes que possam ir a shows de sua banda.

Você pode ler, com tradução do Green Day Brasil, logo abaixo:

Enquanto o resultado desta eleição ainda está sendo digerido, eu estou aqui me perguntando o que diabos fazer… o que pensar… o que falar. Assim como a maioria de vocês, eu quero dizer ALGUMA coisa.

Nosso progresso social foi golpeado no rosto de forma dura. É difícil dizer se fizemos algum progresso… o lado negro de nossos melhores anjos falou… eles tripudiam… comemoram… eu sinto pena deles. Sinto pena porque eles não tem ideia no que eles meteram nosso país, ou o mundo, por assim dizer. Mas uma coisa é certa, racismo, misoginia, transfobia, homofobia e xenófobos não têm lugar perto do Green Day ou de qualquer evento do Green Day.

Para os verdadeiros anjos, se você é negro, marrom, branco de qualquer nacionalidade e fé, gay, hétero, trans, menina, menino, punk, metaleiro, gótico, estranho, magro, louco e de qualquer grupo marginalizado em qualquer tempo, nós lhes damos as boas-vindas com toda raiva e amor que pudermos reunir… nós defenderemos vocês, juntos, em união e amor eternos… o dia em que sairemos do chão para revidar ainda mais forte irá chegar.

Raiva e amor.
Billie Joe

as the outcome of this election is still sinking in i'm left wondering what the hell to do. what to think.. what to say. like the vast majority of you i want to say SOMEthing. our social progress got punched in the face. hard. it's hard to tell if we made any progress at all.. the dark side of our better angels have spoken.. they gloat.. they cheer.. i pity them. i pity them because they have no clue what they've gotten our country into. or the world for that matter.. but one thing is for sure. racism, misogyny, transphobia, homophobia, and xenophobes have no place in around green day and/or any green day event. as for the true angels. if you are black, white brown, of any nationality or any faith, gay, straight, trans, girl, boy, punk, metal, goth, weirdo, skin, freak, and the overall marginalized of all ages we welcome you with all the rage and love we can muster.. we stand by you. together. in love and unity forever.. and that day will come when we get off the ground and punch right back.. even harder rage and love billie joe

A post shared by Billie Joe Armstrong (@billiejoearmstrong) on

Mike Dirnt

Você pode ler a entrevista exclusiva do TMDQA! com Mike Dirnt, baixista da banda, logo abaixo.

       
 
Compartilhar