Guns N' Roses no Rock In Rio 2011
 

Sempre tem aquele babaca que não sabe interpretar arte. Isso vai desde jogos de tiro até músicas com letras irônicas.

Foi o que aconteceu em Costa Mesa, na Califórnia, há quatro anos. O caso está vindo à tona agora porque o julgamento acaba de começar.

Thomas Michael Wilhelm, de 52 anos, matou a namorada Christine Marie Murray a tiros, dentro de casa. Ele está sendo acusado de homicídio em primeiro grau, o mais grave da lei americana, e pode pegar até pena de morte.

Uma prova apresentada pela acusação mostra que Wilhelm mandou uma mensagem pra um amigo minutos antes do assassinato. O texto dizia que ele estava ouvindo “I Used To Love Her”, música do Guns N’ Roses.

Pra quem não se lembra, a canção diz, em várias partes:

Eu costumava amá-la/ Mas tive que matá-la/ Eu tive que colocá-la/ A sete palmos abaixo da terra/ E eu ainda consigo ouvi-la reclamar

A defesa alega que Thomas Michael Wilhelm sofre de problemas mentais e alcoolismo.

Verdadeiro sentido

Em várias entrevistas, os integrantes do Guns fizeram questão de dizer que “I Used To Love Her” não foi escrita para ninguém em específico. Izzy Stradlin disse uma vez:

Eu estava de boa uma vez ouvindo rádio e ouvi um cara choramingando sobre uma garota que estava tratando ele mal. Eu quis jogar o rádio na parede! Que maluco chato! Aí a gente teve a ideia de reescrever essa história, só que com um final melhor.