Interpretar o Coringa após o icônico papel de Heath Ledger em 2008 não deve ter sido fácil para Jared Leto.

O ator e líder do Thirty Seconds to Mars ficou com a função para a mais nova aposta da DC Comics, Esquadrão Suicida, mas algo parece ter facilitado o seu trabalho: David Bowie.

Em entrevista, Leto revelou que se inspirou nas diversas personas do saudoso músico para compor a personalidade de seu personagem, e ainda reclamou que isso não ficou perceptível pois cortaram muitas cenas do Coringa no longa. Leia:

Discutimos um pouco [sobre Bowie] – não necessariamente a música de David, mas sua classe, sua elegância, sua intemporalidade. […] Havia tantas cenas que foram cortadas do filme, não consigo nem começar. Havia tanta coisa que nós filmamos e não está no filme. […] Eu acho que seria ótimo mergulhar mais fundo no Coringa, expandir a história e aprender um pouco mais sobre este doente e estranho – mas adorável – homem.

O filme e o personagem de Leto, porém, não estão sendo muito bem recebidos pela crítica. No site Rotten Tomatoes, especialista em dar nota aos lançamentos da TV e do cinema, os críticos deram a Esquadrão Suicida um terrível 26%. Fãs do longa tentaram criar um abaixo assinado para derrubar o site em protesto.