Ouça o novo single da Majur!

Quando lançou seu disco de estreia em 2000, Hybrid Theory, o Linkin Park logo se tornou um dos nomes mais influentes do rock das gerações que vieram nos anos seguintes e, sem dúvidas, iniciou muita gente jovem no gênero com suas canções.

Ainda assim, há milhares de pessoas que criticam a banda e sua sonoridade, dizem que o grupo não faz “rock de verdade” e quando o assunto vai para o heavy metal, estilo associado com o grupo em diversas ocasiões, a coisa fica ainda mais complexa.

Em uma nova entrevista para a Metal Hammer, o vocalista Chester Bennington foi questionado sobre como se sente em relação aos “puristas” do heavy metal, que dizem que o Linkin Park era uma boy band com guitarras, e deixa sua opinião bem clara:

Eu acho isso muito engraçado – essas palavras, a ‘integridade do metal’. Na minha opinião a gente manteve o metal vivo. Eu conheci um moleque há alguns dias que disse, ‘Vocês foram a primeira banda de rock que eu ouvi’ e eu ouço isso toda hora. Nós fizemos um show surpresa na Vans Warped Tour na Califórnia em 2014 e vários vocalistas de outras bandas subiram ao palco para cantar com a gente. Todos ficavam tipo, ‘Sua banda foi meu primeiro disco’ ou ‘Sua banda é o motivo pelo qual eu faço música’. Talvez tenha sido a primeira vez que eu senti que éramos a banda que as pessoas admiravam do jeito que eu admiro Deftones, Metallica e Stone Temple Pilots.

Concorda?

Vale lembrar que recentemente publicamos uma notícia por aqui sobre como a gravadora da banda queria que um dos seus principais integrantes fosse demitido.

LEIA: há 15 anos o Linkin Park lançava o disco de estreia “Hybrid Theory”