american-idol
 

E uma das maiores atrações da história da televisão norte americana irá chegar ao fim: após sua décima quinta e última temporada em 2016, o reality show de talentos musicais “American Idol” não existirá mais.

A Fox anunciou que não produzirá mais a série que nasceu em 2002 e ficou conhecida por índices históricos de audiência na TV americana, bem como o descobrimento de nomes como Kelly Clarkson, Carrie Underwood e Adam Lambert.

Em sua história, o programa conseguiu alcançar a marca incrível de 13 prêmios Grammy através de artistas que consagrou, mas a última vez que isso aconteceu foi há quase uma década, o que evidencia a queda de popularidade do show.

Após um pico de audiência em 2006, os números caíram ano após ano, e em 2010 o controverso Simon Cowell, jurado que fazia papel de malvado em American Idol, deixou o programa para entrar no The X Factor, o que complicou ainda mais as coisas.

O único membro que ainda aparece em Idol desde o seu nascimento é o apresentador Ryan Seacrest, e a bancada é composta hoje por Jennifer Lopez, Harry Connick Jr. e Keith Urban.

A ideia é que diversas ações sejam realizadas em 2016 como forma de celebrar o fim do programa.