Março passou da sua metade e o ano está engrenando quando o assunto é lançamento de discos, tanto aqui no Brasil quanto lá fora.

Desde o aguardado novo disco do Dead Fish, patrocinado pelos fãs com recorde de arrecadação até a volta de nomes consagrados, separamos um prato cheio de lançamentos musicais interessantes no mês de Março.

Ao final do post também publicamos uma playlist com lançamentos dessa lista.

Aproveite!

 

Dead Fish

Vitória

Dead Fish - Vitória

Em 2014 o Dead Fish, nome dos mais importantes na história do hardcore nacional, iniciou uma campanha de financiamento coletivo para o lançamento de seu novo disco.

Nem mesmo a banda esperava que a ação daria tão certo e o grupo capixaba não apenas bateu a meta necessária para o álbum como bateu o recorde da plataforma Catarse, arrecadando 258 mil Reais em cima dos 60 mil Reais pedidos.

O resultado é Vitória, disco cheio de significados, nova formação e uma fase que parece ser bastante próspera para o grupo.

Ao final do mês passado os discos começaram a ser enviados para os apoiadores dos projetos, e nos dias 07 e 08 de Março foram realizados shows de lançamento de Vitória.

Gravadora: Independente

 

Death Cab For Cutie

Kintsugi

death-cab-for-cutie-kintsugi

Outro disco cheio de significados é Kintsugi, novo do Death Cab For Cutie.

Durante o processo de criação do álbum, o membro fundador Chris Walla anunciou que deixaria a banda, apesar de continuar contribuindo com o disco.

O que mudou é o fato de que Walla havia produzido todos os outros álbuns do Death Cab, que dessa vez convidou Rich Costey (Sigur Rós, Muse, Foster The People) para o posto.

Como cereja do bolo, a palavra Kintsugi vem de uma arte japonesa para reparar objetos quebrados e considerar que esse reparo faz parte da história do objeto.

Data de lançamento: 31 de Março
Gravadora: Warner

 

Lieutenant

If I Kill This Thing…

lieutenant-if-i-kill-this-thing

O projeto Lieutenant marca a estreia de Nate Mendel, baixista do Foo Fighters, em carreira solo, com o álbum If I Kill This Thing We’re All Going To Eat For A Week.

Aqui, ele se afasta bastante da sonoridade da banda de Dave Grohl e se aproxima do rock alternativo do Sunny Day Real Estate, influente nome dos anos 90 onde Mendel também é baixista.

Data de lançamento: 11 de Março
Gravadora: Dine Alone

 

Jeff Rosenstock

We Cool?

Jeff Rosenstock - We Cool?

Após anos lançando por conta própria discos do Bomb The Music Industry! que tornaram Jeff Rosenstock ícone do underground, esse ano o cara resolveu finalmente trabalhar com uma gravadora, e deu certo.

We Cool? está sendo lançado pela Side One Dummy (The Gaslight Anthem, Chuck Ragan, Title Fight), derrubou o site do selo no dia do lançamento e chegou a entrar nas paradas da Billboard com a sétima posição de “Álbuns quentes” e posição 43 de “Álbuns de Rock”.

O disco tem participações especiais de Laura Stevenson, parceira dos tempos do BTMI!, o rapper P.O.S. e membros da banda Shinobu.

Data de lançamento: 03 de Março
Gravadora: Side One Dummy

The Rezillos

Zero

rezillos-zero

37 anos depois de seu disco de estreia, a banda punk The Rezillos está de volta com Zero, seu segundo álbum.

Misturando punk, new wave, covers e vocais femininos, o grupo foi um dos nomes importantes para a difusão do estilo no Reino Unido nos anos 70, e fica a curiosidade para saber como será essa volta após tantas décadas.

Data de lançamento: 10 de Março
Gravadora: Metropolis

 

Sufjan Stevens

Carrie & Lowell

sufjan-stevens-carrie-lowell

O talentoso Sufjan Stevens volta às suas raízes do indie folk em Carrie & Lowell, sétimo álbum da carreira e primeiro desde The Age Of Adz, de 2010.

Produzido pelo próprio Stevens, o álbum foi inspirado na morte de sua mãe, Carrie, e foi gravado no estúdio caseiro do músico no Brooklyn.

Data de lançamento: 31 de Março
Gravadora: Asthmatic Kitty

 

Teenage Bottlerocket

Tales From Wyoming

Teenage Bottlerocket - Tales From Wyoming

Tales From Wyoming é o novo disco da banda de pop-punk Teenage Bottlerocket, um dos nomes mais consistentes do estilo nos últimos anos.

O sexto álbum do grupo foi produzido por Bill Stevenson (Descendents, Black Flag) e traz 14 faixas com seu jeitão: três acordes para produzir verdadeiros hinos adolescentes.

Data de lançamento: 31 de Março
Gravadora: Rise Records

 

Swervedriver

I Wasn’t Born To Lose You

swervedriver-i-wasnt-born-to-lose-you

2015 é o ano da volta do shoegaze e um dos celebrados retornos é o do Swervedriver.

A banda está lançando seu primeiro disco desde 1998 e tem agradado bastante com I Wasn’t Born To Lose You, disco que teve gravações na Austrália e na Inglaterra.

Data de lançamento: 03 de Março
Gravadora: Cobraside

 

The Staves

If I Was

the-staves-if-i-was

The Staves é um trio de irmãs britânicas que tocam folk e estão lançando um novo disco de estúdio chamado If I Was.

O trabalho foi produzido por ninguém menos que Justin Vernon (Bon Iver) e é o primeiro pela cultuada gravadora Nonesuch.

Data de lançamento: 31 de Março
Gravadora: Nonesuch

Scott Weiland and the Wildabouts

Blaster

scott-weiland-and-the-wildabouts-blaster

Blaster é o disco de estreia do novo projeto de Scott Weiland, ex Stone Temple Pilots, envolvendo a banda Wildabouts, montada por ele.

O disco tem, é claro, o apelo do nome do músico, mas também promete agradar fãs de fora do círculo pelo qual ele ficou conhecido, com canções baseadas no hard rock.

Data de lançamento: 31 de Março
Gravadora: Softdrive