Bob Dylan anuncia novo disco e disponibiliza cover de Frank Sinatra

Glyn Johns é um produtor que tem em seu currículo trabalhos com nomes que talvez você nunca tenha conhecido, como Led Zeppelin, The Who, The Rolling Stones, The Beatles, Eric Clapton e Bob Dylan.

O britânico está lançando uma biografia chamada Sound Man e nela conta as suas histórias com alguns dos nomes mais importantes da história do rock’n’roll e uma delas chamou a atenção, vindo a público através da revista Rolling Stone.

De acordo com Johns, em um encontro com Bob Dylan, o músico perguntou sobre o trabalho com os Beatles que o produtor havia feito e elogiou todo o material que ele havia gravado com o Stones, tendo em retorno recebido elogios pela influência de sua música na sua vida e dos artistas com os quais trabalhou.

Depois disso, veio uma revelação:

Ele disse que tinha uma ideia de fazer um disco com os Beatles e os Rolling Stones. E me perguntou se eu poderia checar se eles tinham interesse. Eu fiquei muito surpreso. Você consegue imaginar esses três influentes nomes gravando um álbum juntos?

Keith Richards e George Harrison acharam a ideia fantástica. Mas era normal, já que eram grandes fãs de Dylan. Ringo Starr, Charlie Watts e Bill Wyman estavam “ok” com a ideia, desde que todo mundo aceitasse.

Você deve estar se perguntando sobre a opinião de alguns dos nomes mais importantes que estariam envolvidos no projeto e foi, muito provavelmente, por causa deles, que a ideia não saiu do papel:

John Lennon não disse um não, diretamente, mas não se interessou. Paul McCartney e Mick Jagger ambos disseram que jamais fariam o disco.

Na época da conversa entre Dylan e o produtor, os Stones lançaram Let It Bleed, os Beatles Yellow Submarine e Abbey Road.

Dylan lançou Nashville Skyline, cuja música de abertura, “Girl From The North Country”, é uma parceria com Johnny Cash.