yoko-ono-daft-punk

A zoeira realmente não tem limites. Mas a personagem ajuda!

Yoko Ono acaba de protagonizar a versão mais surpreendente (e assustadora) que nós já vimos de “Get Lucky” o hit mais regravado de toda a história de 2013, para desespero (ou não) dos fãs de Daft Punk.

Depois de ganhar versões de Bono, The Edge e Nile Rodgers, mesmo depois deste último prometer não tocar o som sem o Daft Punk,  de policiais russos, do Fall Out Boy, da Florence Welch,  do Barack Obama, do The Roots,  do Biffy Clyro e do CSS, pra citar só os que a gente lembra de cara, estava mesmo faltando uma versão da japonesa mais amada e mais odiada desse mundo.

Tá ok, isso é um fake (obrigada, internet! Muito obrigada!), mas a condição criada foi bem oportuna. Yoko Ono estava lá em uma das suas exposições de arte em Nova York quando resolveu ceder ao público um tostão da sua encantadora voz, cantando, aos berros, uma melodia que ela parecia apreciar intensamente. A  galerê da internetê achou que era uma boa misturar o hit radiofônico com o som nada comercial da viúva de Lennon, para criar algo, no mínimo, engraçado.

Morra de rir (ou agende sua consulta com seu otorrinolaringologista) vendo o vídeo abaixo.

Fonte: CoS

   
 
Compartilhar