Bob Mould diz que Hüsker Dü pode relançar seus discos
 

Bob Mould diz que Hüsker Dü pode relançar seus discos

No mês de Setembro, Bob Mould lançou Silver Age, 10º disco de sua carreira solo, contando com os álbuns com o Sugar. Em Julho, o músico relançou Copper Blue, disco de estreia do Sugar, em comemoração aos 20 anos de seu lançamento. E agora, Bob falou sobre um possível relançamento de todos os discos do Hüsker Dü, sua antiga banda:

Não há nada definido, mas o que está acontecendo é que os três membros estão unidos sob um guarda-chuva legal e isso é um processo muito lento, cauteloso, voltando aos negócios. Nós estamos respeitando o trabalho um do outro e tentando descobrir uma forma de manter aquela música viva. Vai ser um processo longo, porque há vários selos e pessoas diferentes e diversas situações diferentes envolvidas. Mas sim, eu quero dizer que é muito, muito lento no início. Vamos apenas dizer que não haverá relançamentos para este Natal.

Bob foi perguntado sobre o fato de ter voltado às guitarras, visto que, Silver Age é o seu álbum mais rock em décadas, e disse o seguinte:

Eu acho que comecei isso com o processo de escrita do meu livro. Eu comecei na primavera de 2008 e, naquele momento, eu coloquei a composição de músicas de lado. Então, o processo de escrever o livro me consumiu muito tempo. Quando 2010 chegou, eu vi os 20 anos do Copper Blue se aproximando e eu estava imaginando o que iria acontecer. Naquele momento, eu estava pensando comigo mesmo: “se eu terminar este livro e eu voltar a compor, seria muito bom pensar em guitarras selvagens que eu sei que as pessoas gostam e eu gosto também, quando eu gosto.

O ex-guitarrista e vocalista do Hüsker Dü também comentou sobre a influência que Dave Grohl teve em seu disco mais decente:

Eu estava com Dave Grohl e o Foo Fighters, com quem fiz alguns shows e pude ir para a estrada e, nos shows nas arenas, eu era o DJ e tocava várias canções. Então, aquela experiência foi muito boa e me ajudou a consolidar a ideia de subir no palco com grandes músicos, muito esforço e fazer acontecer. Sim, atualmente, eu sou muito bom nisso! Eu acho que o universo me lembrou mais do que qualquer coisa. Essa é a beleza de escrever uma autobiografia. Quando eu olhei para trás para os meus primeiros 48 anos de vida, eu puder ver todos esses padrões que me fez fazer este trabalho ou tomar as decisões sobre minha vida. E eu acho que eles começaram a fazer algum sentido.

Perguntado também se sua turnê vai passar pela Europa no próximo ano, Bob disse o seguinte:

Sim, Eu acho que nós estamos sendo bem otimistas. Nós estamos apenas esperando a temperatura agora, por assim dizer. É claro que o Reino Unido foi o marco zero para o Sugar, um enorme sucesso no Reino Unido de imediato, então, eu penso muito sobre o Reino Unido. Mas, por conta das Olimpíadas, algumas turnês foram adiadas para o início de 2013.

Para conferir a entrevista na íntegra, acesse o site da Mojo. E se você ainda não ouviu Silver Age, clique aqui.