Virginia Grohl
 

Hoje, dia 13 de Maio, é Dia Das Mães, aquelas que nos aguentaram quando estávamos começando a ouvir os primeiros riffs de “rock pauleira”, nos levaram a shows bizarros e por muitas vezes nos deram CDs de Natal mesmo odiando as bandas que ouvíamos.

Em homenagem a todas as mães roqueiras e/ou de roqueiros, fizemos essa lista com algumas das mamães que estão envolvidas no rock.

Feliz dia das mães!

Mary Morello

Mary Morello apresenta o The Nightwatchman

Mary Morello é uma mamãe muito especial para a história de uma das bandas mais influentes do rock moderno, o Rage Against The Machine. A mãe do guitarrista Tom Morello foi uma ativista desde muito cedo, e ao se casar com o revolucionário Queniano Ngethe Njoroge, teve que encarar de frente o preconceito por ser uma mulher branca e ter um filho negro, no caso, Tom Morello.

Quando se mudou para Libertyville, Illinois, Tom conta que a mãe havia finalmente um encontrado um lugar onde poderia morar, e que aceitava a família, mesmo que o corretor de imóveis tenha precisado bater de porta em porta no condomínio dos Morello para perguntar se os vizinhos não se importavam com a família morando ali.

Em 1987, Mary fundou a organização Parents For Rock And Rap, que tinha como objetivo bater de frente contra a censura em relação à música, que era oprimida por instituições como a PMRC, criada por Tipper Gore e responsável pelos famosos adesivos “Parental Advisory”.

Como se não fosse descolada o suficiente, Mary ainda apresentava o Rage antes de vários shows da banda, chegando a dizer que a banda era “the best band in the fucking universe”. Ela fez o mesmo com o projeto solo de Tom, The Nightwatchman, e no vídeo abaixo você pode ver como antes de apresentar o filhote, ela DercyGonçalvesmente solta um: “Foda-se o Governo Bush!”.

Sharon Osbourne

Sharon Osbourne

Shaaaaaaaronnnnnnnnnnnnnn!

Só de ouvir os gritos constantes de Ozzy Osbourne que acabamos conhecendo na série The Osbournes, essa mulher já merecia um lugar no paraíso.
Sharon Osbourne conheceu seu futuro marido, Ozzy, quando tinha apenas 18 anos de idade através de seu pai, que era empresário do Black Sabbath, e é tida como uma das responsáveis pelo renascimento da carreira solo do cara, tanto como sua empresária como quanto idealizadora do Ozzfest, festival de música pesada que recolocou o nome do músico, de sua banda e de várias outras no mapa.

Junto com Ozzy, Sharon tem 3 filhos: Aimee, Jack e Kelly, sendo que os dois últimos também ficaram mundialmente famosos através da série de televisão mencionada anteriormente.

Ao vencer a batalha contra o câncer, Sharon não só emocionou sua família e seus fãs como construiu um caminho para escrever uma biografia que vendeu mais de 2 milhões de cópias e se tornar jurada de reality shows de talentos.

Brody Dalle

Brody Dalle

Brody Dalle ficou conhecida através de sua segunda banda, o The Distillers, e foi na época que o grupo lançou seu terceiro e último disco que a moça se separou do guitarrista e vocalista Tim Armstrong, do Rancid, para depois de um tempo começar um relacionamento com o também guitarrista e vocalista Josh Homme, líder do Queens Of The Stone Age.

É com Homme que a cantora tem dois filhos, a pequena Camille Harley Joan Homme, nascida em 2006 e o menino Orrin Ryder Homme, nascido no ano passado.

Brody Dalle e Camille Homme

Em 2008 e 2009 a talentosa vocalista e guitarrista lançou trabalhos através de uma nova banda, o Spinnerette, e recentemente anunciou planos para um disco solo.

Virginia Grohl

Virginia Grohl

Virginia Grohl é a mãe de um dos cara mais “queridinhos” do rock, o líder do Foo Fighters e ex-baterista do Nirvana, Dave Grohl.

Professora que teve que criar seu filho sozinha, já que divorciou-se cedo de seu ex-marido, Virginia foi fundamental na vida de Dave já que era a responsável por sustentar a casa do adolescente e também por trazer uma vitrola para casa todos os fins de semana, emprestada da escola onde Virginia trabalhava.

Dessa forma, Dave poderia ouvir seus discos dos Beatles e se divertir já que não havia muito mais o que fazer na pequena Springfield, Virginia (o nome do Estado é o mesmo da mamãe por mera coincidência).

Virginia tinha ainda mais uma filha, e conta que os três tinham que “disputar” o banheiro de casa, já que ele parecia o de um avião, apertadíssimo.

Depois que o Foo Fighters decolou, Dave pôde retribuir o amor e carinho que recebeu da mãe ao levá-la para as turnês da banda, onde, como é mostrado na biografia Dave Grohl – Nada A Perder, ela se sente muito bem andando pelo backstage e “tomando cerveja com Billie Joe, do Green Day.”

Fernanda Takai

Fernanda Takai

Fernanda Takai tem 40 anos de idade e há 19 anos, quase metade de sua vida, faz parte da banda Pato Fu, formada em Belo Horizonte ao lado daquele que justamente seria o pai de sua filha Nina, o guitarrista John Ulhoa.

O fato de se tornarem pais em 2003 afetou tanto o casal que em 2010 o Pato Fu lançou um disco chamado Música De Brinquedo, composto apenas com covers que tiveram arranjos feitos por instrumentos como cornetas de plástico, para dar a sensação de um disco infantil. Nina Takai, filhote do casal, faz inclusive participação no álbum.

A super-mãe “mineira” (não nasceu em Belo Horizonte mas mora lá há muitos anos) ainda escreveu livros e foi colunista de jornais importantes como Estado de Minas e Correio Braziliense.