Roger Taylor não se apresentaria ao lado de um holograma de Freddie Mercury

Em entrevista à revista Billboard, o baterista do Queen, Roger Taylor, descartou a possibilidade de se apresentar ao lado da projeção de um holograma de Freddie Mercury – uma espécie de efeito 3D que reproduz imagens de forma realista.

“Eu não me sentiria bem. Não aceito um holograma do meu querido amigo. É o verdadeiro ou nada para mim”, declarou o músico. Os hologramas tornaram-se assunto no mundo todo depois do rapper Tupac ser “ressuscitado” em uma apresentação de Dr. DreSnoop Dogg, no festival Coachella.

Apesar de repudiar a ideia, Taylor admitiu que considera a tecnologia usada nos hologramas impressionante. “Eu acho que é um efeito incrível quando usado corretamente. Não tenho nenhuma objeção a esse tipo de representação, apenas não a usaria”.

O Queen fará dois shows em Londres, no mês de julho, com Adam Lambert nos vocais. O primeiro encontro da banda com o músico aconteceu no MTV Europe Music Awards, em 2011.