Perry Farrell fala sobre Jane's Addiction e projeto

Declarações de Perry Farrell irrita brasileiros
A lingua afiada de Perry Farrell incomodou bastante o público brasileiro. Desde a coletiva de imprensa do festival Lollapalooza, o vocalista do Jane’s Addiction andou lançando declarações um tanto quanto infelizes sobre o Brasil. Em entrevista à Folha de S. Paulo, Farrell alegou que os fãs brasileiros são “ignorantes sobre música” e que “aqui não há tanta educação musical”: “Estou aprendendo sobre os brasileiros agora, assim como vocês estão aprendendo agora sobre as bandas internacionais”, afirma.

Quando questionado sobre as outras edições do evento, o vocalista disse: “Sim, são todas cidades cosmopolitas, embora aqui na América Latina… Ops, ops, esqueci, me disseram que vocês não gostam de ser incluídos na América Latina. Enfim, aqui não há tanta educação musical”, comenta.

Ele ainda defendeu a pré-venda dos ingressos para o evento, sobre o fato da queda do site oficial, e da exposição que alguns compradores tiveram de seus dados pessoais na web: “Eu acho que eu estou trabalhando com pessoas boas. Eles devem saber o que estão fazendo. Eles vendem ingressos para jogos de futebol!”, afirma.

Após todas essas afimações, Perry viu seu nome virar alvo dos usuários do Twitter, principalmente de brasileiros revoltados com o que ele disse. Para se defender, o vocalista lançou uma série de tweets negando os comentários feitos e alegando que o erro foi do repórter que o entrevistou: “Brasil, eu nunca disse que não estavam educados em música! Eu amo e respeito a cultura e o país”. Inventaram coisas que eu não disse, a fim de causar uma sensação!”.


View on YouTube

 
 
Compartilhar