Casa de Amy Winehouse será sede de instituição com seu nome
 

Casa de Amy Winehouse será sede de instituição com seu nome

A casa onde Amy Winehouse morava vai servir de sede para instituição que leva seu nome. O imóvel fica situado em Camden, norte de Londres, e está avaliado em aproximadamente R$ 6,5 milhões, de acordo com a Rolling Stone.

A instituição foi anunciada por Mitch, pai da cantora, e tem como intenção “amparar aqueles que não tem condições de pagar por tratamentos em clínicas particulares de reabilitação”, de acordo com a matéria. Segundo o pai de Amy, as pessoas nesta situação esperam, em média, dois anos para que o governo lhes dê cuidados médicos. “Queremos fazer uma diferença positiva”, disse Mitch.

Contradizendo o que o pai da inglesa disse, a DrugScope, organização do Reino Unido, afirmou que a maioria dos pacientes neste estado recebem tratamento em no máximo três semanas.

Para dar suporte financeiro a instituição, o músico Tony Bennett confirmou que os royalties das vendas da música “Body and Soul” serão destinados à fundação. A música foi gravada co Amye no primeiro semestre deste ano e é a última gravação da cantora. A canção estará no Tony Bennett: Duets II, que vai ser lançado no dia 20 de setembro.

“Ela foi a melhor de todos os jovens artistas que eu conheci nessa cena nos últimos 10 ou 15 anos. Ela cantava jazz verdadeiro. É muito trágico. Eu queria conversar com ela, dizer que se ela não parasse, ia morrer. Queria falar para ela sair das drogas, mas infelizmente nunca tive a chance”, disse Bennett.

Sobre a Fundação Amy Winehouse, ela será lançada oficialmente no dia 14 de setembro, dia em que Amy completaria 28 anos.

     
 
Compartilhar