Chegou!

Hoje é dia de mais uma seção Chegou!, mas hoje com um toque muito especial, já que falaremos de um disco nacional, novo, marco da reabertura da fábrica de discos Polysom aqui no Brasil. E se liga que no final tem promoção e mais um monte de coisa pra quem é fã. Tá imperdível!

Clique em todas as fotos para ampliá-las.

Pitty

“Chiaroscuro” é o disco mais recente de Pitty, e até onde eu me lembro foi um dos primeiros, se não o primeiro, a ser confirmado com uma versão em vinil assim que a Polysom voltou à ativa.
O pessoal da Deckdisc/Polysom foi super gente boa e me mandou o discão que confesso, me deixou extremamente contente e ansioso com o resultado final e com os lançamentos que virão por aí.

A capa do disco é muito bonita, uma pintura que segundo os créditos do álbum foi feita por Catarina Gushiken enquanto ele era gravado e leva o mesmo nome de “Chiaroscuro”. Nem preciso dizer que na versão grandona do LP ela ficou bem mais legal né? É literalmente uma obra de arte daquelas de pendurar na parede, e representou muito bem o nome e a ideia do disco.

A parte de dentro é um envelope, de material muito resistente que serve como encarte com todas as letras, foto da banda no estúdio no verso e créditos do disco, ao mesmo tempo que abriga o LP em uma condição que, sinceramente, tem muito disco gringo que não faz.
Fico muito feliz quando os discos da minha coleção chegam em uma acomodação tão segura, e esse é o caso.

O disco foi outra bela surpresa. Logo que tirei da caixa senti que o peso fazia jus ao resto da alta qualidade do pacote. Eu chuto seu peso em torno dos 160 gramas. Isso é essencial porque previne ondulações no disco quando ele tá girando bonitão pela vitrola, sem contar que é melhor pra manusear e guardar. Até o áudio parece que dá uma melhorada também.
Além disso, vocês sempre lêem por aqui que as edições Deluxe de discos importados de bandas renomadas têm 180 gramas. Não ficamos para trás, e repito, vários discos gringos que eu encontro por aí são bem mais leves do que esse, chegando a ter 100 gramas e dando um aspecto amador no resultado final.

A comparação com os discos importados pode parecer chata, mas é importante para ficar bem claro que a Polysom reabriu sua fábrica, não foi de bobeira, e está tendo extremo cuidado no que vem lançando. Sem contar que a história furada de que aqui no Brasil as coisas não podem ser comparadas às obras que vêm lá de fora é totalmente sem cabimento.

Musicalmente “Chiaroscuro” é um belo de um disco de rock, onde as músicas mais “pra cima” aparecem em menor quantidade e dão lugar a melodias mais sombrias e linhas de baixo mais pesadas, além de baladas bonitonas como “Só Agora”, que segundo a própria dona do disco me disse no Twitter, foi colocada como última música no Lado A de propósito, para que o ouvinte ficasse com o barulhinho da chuva até virar o bolachão. Classe!

Meus destaques vão para o hit “Me Adora”, a belíssima “Só Agora”“Fracasso”, que começa com guitarras e bateria metódicos até evoluir a um refrão daqueles que grudam na cabeça  e são legais de cantarolar, “Desconstruindo Amélia” e “Trapézio”.

Ficou com vontade de saber como elas soam com o áudio delicioso do vinil? Não tem problema!

Como já é praxe aqui na seção Chegou!, a gente sempre coloca músicas ripadas diretos do vinil pra audição, e dessa vez não foi diferente, graças ao pessoal da Deckdisc, que topou e deu o sinal verde sem pestanejar. Agradeçamos a eles!!

Só que hoje tem um lance diferente.

Você pode ouvir uma versão em alta qualidade, ripada direto do vinil e passada pra Mp3 em 320 kbps da faixa “Fracasso”, a primeira no Lado B do disco. Para isso, você deve virar fã da página do Tenho Mais Discos Que Amigos! no Facebook.

O link é esse aqui, e ao entrar lá, clique em “Curtir” ou “Virar fã”, e pronto!
Você terá acesso ao link da faixa na aba PITTY.

Na página do Facebook você poderá ficar sabendo dos posts em primeira mão, e outros detalhes que só teremos por lá. Além de comentar as notícias com os amigos da sua rede social, postar fotos, conversar em fóruns. Entra lá!

E não é só isso…


PROMOÇÃO TMDQA! / PITTY / DECKDISC / POLYSOM

Sim!
Você achou que ia ver as fotos do discão e só ia ficar babando? Não! Aqui no TMDQA! a gente já tá acostumado a realizar promoções onde os leitores ganham discos bacanas, pôsters, CDs e muito mais. E dessa vez não foi diferente.

Tenho Mais Discos Que Amigos!, Deckdisc e Polysom se uniram para dar uma cópia do LP de “Chiaroscuro” a um fã sortudo da Pitty.

Como participar?
A promoção toda será baseada no twitter.
Primeiro de tudo, você deve seguir os usuários @mdiscosqamigos, @deckdisc e @polysom .

Aí, o lance é twittar a seguinte frase:

O @mdiscosqamigos, @deckdisc e @polysom vão me dar o novo LP da Pitty em vinil! http://migre.me/Ai8u http://migre.me/A6Pt #PittyVinil

A promoção vai de hoje, Quarta-feira, dia 28/04 ao meio-dia, até Domingo, 02/05 ao meio-dia e ao final da mesma, usaremos o site sorteie.me que faz um sorteio entre todos que postarem o tweet aí de cima.

Agora é com vocês! Mãos à obra e vamos twittar. Boa sorte a todos!


 
 
Compartilhar