Cokie The Clown

Ouça o novo single da Majur!

A polêmica não tem fim.
Depois de alguns sites especializados terem resenhado e mostrado fotos do bizarro show de Fat Mike (NOFX) como Cokie The Clown, que além de contar histórias mórbidas de estupro e morte deu tequila com urina aos fãs, a história foi parar no maior site de fofocas do mundo, o TMZ.com.

A história tem tomado proporções cada vez maiores, e o penúltimo capítulo foi que alguém que estava no show e gravou vídeos da apresentação achou que poderia vendê-lo aos tablóides de fofoca, e acabou se dando muito bem. É  uma das raras vezes em que alguém que não seja muito famoso e do mainstream aparece nesse tipo de “reportagem”.

O vídeo mostra a entrada de Cokie no palco, quando ele chega com uma garrafa de tequila e despeja em vários copos para tomar perto de 5 doses e dar o resto aos fãs. Tudo isso é filmado de perto por alguém da equipe de Mike.
Ao final do vídeo, Cokie se levanta e diz “eu sou um alcoólatra e viciado em drogas, e provavelmente morrerei de overdose, mas antes de ir embora eu vou deixar uma coisa pra vocês. Vocês estão fodidos!”.

Aí ele aperta play em uma TV que está no palco e começa a passar o video que mostra ele mijando na mesma garrafa de tequila que viria a oferecer minutos depois ao público. O video termina no momento em que ele entrega a bandeja e as doses à platéia.

E se você prestou atenção, eu disse que esse foi o penúltimo capítulo. Isso porque ontem, dia 27/03, a casa de show Emo’s em Austin, Texas onde o show aconteceu baniu Fat Mike de qualquer show por lá no futuro.
Um representante da casa disse: “O Emo’s não compactua com as ações do Fat Mike, e a gente não encoraja nem compactua com quaisquer atos de estupidez que o Fat Mike possa realizar”.

Para finalizar (por hoje, porque logo deve vir mais história) já vazou na Internet a parte musical desse show, que não teve mais de 15 minutos de faixas acústicas, incluindo a irônica “Drinking Pee”, onde Cokie faz questão de convidar o público todo a cantar junto o refrão que diz: “Drinking pee is right for me / Something that I like to do for fun”, ou “Tomar mijo é certo pra mim / Algo que eu faço pra me divertir”.

Os links para as matérias no site da TMZ são esse aqui e esse aqui.

Cuidado com o palhaço!


Agent Orange

O primeiro disco do trio punk Agent Orange, uma das bandas mais influentes de todos os tempos no estilo está sendo relançado em disco de vinil colorido.

“Living In Darkness” saiu originalmente em 1981 e já mostrava ao mundo a mistura de punk, metal e surf music que ficou característica no som dos caras.

Fazia muito tempo que esse disco não era relançado em vinil, estando disponível apenas em CD e agora a Drastic Plastic Records resolveu fazer esse belo trabalho por todos nós e marcou a data de lançamento para o próximo dia 30 de Março.

A pré-venda já está sendo feita e você encontra o disco aqui.

Blacklisted

“No One Deserves To Be Here More Than Me”, último disco da banda de hardcore Blacklisted foi eleito como um dos melhores discos de 2009 mesmo tendo sido lançado apenas em vinil.

Muitos selos e bandas têm optado por prática similar, ao dar mais ênfase para o lançamento em vinil e formatos digitais (mp3, flac), sem muita atenção para o CD, que tem caído em desuso e está cada vez mais difícil de ser vendido.

De qualquer forma, a gravadora dos caras Deathwish Inc. anunciou para o mês que vem uma versão em CD do álbum, que ainda contará com 3 faixas bônus presentes originalmente no EP “Eccentrichine”, lançado esse ano.

O link oficial é esse aqui.

Soulfly

O Soulfly disponibilizou através do site oficial da Roadrunner Records uma página de cadastro onde os fãs que preencherem e-mail e país de origem ganharão acesso ao single “Rise Of The Fallen”, que estará no mais novo disco da banda entitulado “Omen”, com data de lançamento para metade desse ano de 2010.

O link para fazer seu cadastro é esse aqui.

Neurosis

A Relapse Records está relançando uma prensagem especialíssima do disco “A Sun That Never Sets”, do Neurosis, que saiu originalmente em 2001 pela própria gravadora.
Trata-se de uma edição em LP duplo de 12 polegadas, nas cores vermelho e cinza, pra combinar extremamente bem com a arte da capa e do resto do álbum.

A data de lançamento é no próximo dia 30 de Março, mas a pré-venda já pode ser encontrada aqui.

Lifetime

O primeiro registro da história do influente Lifetime é o EP “Lifetime” de 1991, lançado pela New Age Records.
A gravadora reprensou esse disco em CD e vinil de 7 polegadas, e inicializou a sua venda no último dia 9 de Março.

Você pode encontrar o disco aqui.