Tenho Mais Discos Que Amigos!

Seja bem-vindo!

Tenho um monte de novidades pra trazer pra vocês nessa nova coluna, mais resultado de promoção, mais promoção nova. Então senta que lá vem história!!

Antes de tudo, queria agradecer imensamente ao Leonel do portal Bubblegum Attack pelo espaço que ele cedeu no portal para que eu começasse essa humilde coluna. Escrever sobre música era um negócio que eu sempre quis fazer e foi no site dele que eu vi que a coisa pode dar certo.

Resolvi então transformar a coluna em blog, no endereço tenhomaisdiscosqueamigos.virgula.uol.com.br , e começar a dedicar mais a ela. Tenho várias ideias pro blog, como seções diferentes, podcasts, mais promoções, dicas, enfim. Assim que o tempo for passando, vou adicionando mais coisa legal pra que você possam aproveitar ao máximo o que eu posso trazer de informação sobre lançamentos de discos e música em geral, okay?

Agora que tá tudo explicado, vamos ao resultado e aos ganhadores da promoção do Green Day!
É só clicar no “PLAY” do video abaixo e conferir. Aos ganhadores, já já enviarei um e-mail para pegar o endereço aonde eu devo mandar os prêmios. Fiquem tranquilos.

PROMOÇÃO!!

PROMOÇÃO!!

Como o sorteio foi feito:

Site utilizado para sorteio do número Resultado do sorteio: #11

Agora que estou quites com todos vocês, vamos ao que interessa.

Semana passada chegou à minha caixa de correio um dos pacotes que eu mais aguardei durante todo o ano.
Por todas as músicas que foram liberadas antes, pelos 6 anos desde o último disco de inéditas, pela puta banda que é, não tinha como não ficar ansioso com a chegada de “Let The Dominoes Fall”, do Rancid.

E se eu já estava ansioso antes da chegada do conjunto (já já vocês vão entender porque eu to chamando de conjunto), quando abri tudo, fiquei boquiaberto.

Sobre o disco, não há muito o que dizer, é espetacular, é agressivo, é ska, é inteligente, é pop-punk, é RANCID em um dos melhores trabalhos de toda a carreira. É uma revisita extremamente bem-sucedida ao “…And Out Come The Wolves”. O primeiro single, “Last One To Die” te faz lembrar de 1994 e de toda a leva de bandas de punk rock que nasceram naquela época.  É daquelas músicas que você ouve uma vez, decora o refrão, e ele gruda na tua cabeça de um jeito absurdo. E você nem se importa.

Agora, como se precisasse, os caras do Rancid ainda resolveram fazer QUATRO pacotes expandidos diferentes do álbum. E é exatamente por isso que eu chamei o álbum de “conjunto” anteriormente.

As 4 opções que o sortudo fã de Rancid tem ao comprar o novo álbum são:

  • CD + Camiseta + Pôster
  • CD + CD Acústico + DVD de Making Of do álbum + camiseta + 3 pôsters + 4 palhetas de guitarra
  • CD + CD Acústico + DVD de Making Of do álbum + camiseta + 4 pôsters + 4 palhetas de guitarra + vinil triplo
  • Vinil duplo do álbum

Legal né? Poisé.
Vocês devem estar imaginando que eu optei pela versão dos discos em vinil, certo? Errado. A terceira versão, que vem com camiseta, pôsters, palhetas e tudo mais custa 150 dólares, enquanto a segunda versão, com tudo menos os discos custa 25 dólares. Por motivos de tempo acabei ficando com a segunda versão ;) .

O material é todo muito bem feito. A caixinha não é naqueles papelões vagabundos que a maioria dos Digipaks por aí usam, as palhetas vêm em uma placa branca pra que se você opte por não destacar, vire um item de colecionador. De lambuja a Epitaph ainda mandou um lenço de caveira |m| e um adesivo do Rancid.

Bom, como vocês já devem estar de saco cheio de tanta coisa escrita, e eu também, vamos às imagens!
(Clique para ampliá-las).

Caixa do CD

Rancid - Let The Dominoes Fall Rancid - Let The Dominoes Fall

Rancid - Let The Dominoes Fall Rancid - Let The Dominoes Fall

Pôsters

Rancid - Let The Dominoes FallRancid - Let The Dominoes FallRancid - Let The Dominoes Fall

Rancid - Let The Dominoes Fall

Rancid - Let The Dominoes FallRancid - Let The Dominoes Fall

Adesivo do plástico

Rancid - Let The Dominoes Fall

Palhetas

Rancid - Let The Dominoes Fall Rancid - Let The Dominoes Fall

Lenço |m|

Rancid - Let The Dominoes Fall

Camiseta

Rancid - Let The Dominoes Fall Rancid - Let The Dominoes Fall

Então.. veio só isso!
Na boa, é por causa de lançamentos assim que eu comecei a escrever esse blog. Não entra na minha cabeça que alguém possa optar pelo download de um disco em MP3 quando se pode ter TUDO isso por um preço tão acessível (nos EUA, porque aqui no Brasil o preço é um absurdo).
É meio clichê dizer isso, mas é o que as gravadoras terão que fazer daqui pra frente se quiserem sobreviver.

E saber que uma banda que formou minha base musical está fazendo isso com um disco TÃO bom é espetacular.

Pra quem quiser mais informações dos kits e/ou comprá-los, é só clicar aqui.

Lançamentos

Veronica Hates Me

Ben Weasel - The Brain That Wouldn't Die

A Asian Man Records está lançando um belo disco ao vivo de Ben Weasel. Trata-se de “The Brain That Wouldn’t Die”, uma homenagem ao disco “My Brain Hurts” do Screeching Weasel, que trás pérolas desse disco  tocadas ao vivo por Ben, Danny e banda.
O disco sai em vinil amarelo e vinil vermelho, e você pode encontrá-los aqui.

Para quem quiser ouvir o disco primeiro, segue stream da Vinyl Collective logo abaixo.
Na boa? Recomendo. A qualidade da gravação e a performance das músicas estão impecáveis.

Para aproveitar que estou falando de Ben Weasel, mais 2 notícias relacionadas:

  • A Recess Records teve que prensar uma nova tiragem da edição remasterizada de BoogadaBoogadaBoogada, já que as outras se esgotaram, e essa vem em vinil branco. A antiga vinha em vinil rosa.

Screeching Weasel - BoogadaBoogadaBoogada

  • A mesma Recess Records está lançando a reprensagem do disco “Wiggle”, nos mesmos moldes dos lançamentos anteriores: são 2000 cópias, sendo 500 em vinil transparente, 500 em vinil branco, 500 vermelho em vinil e 500 em vinil verde.

Screeching Weasel - Wiggle


Turncoat, Killer, Liar, Thief!

Anti-Flag - The People Or The Gun

Após o término de um contrato com uma gravadora “major”, o Anti-Flag volta às raízes independentes e lança seu sétimo disco de estúdio via Side One Dummy.
“The People Or The Gun” trás 10 músicas ao melhor estilo da banda e marca um amadurecimento dos caras, após tantos discos, tantas atividades políticas, tantos xingamentos de “vendidos” e turnês pregando a paz e o fim da era Bush.
O disco tem sido bem comentado e bem vendido lá nos EUA. Fica a expectativa com relação ao catálogo antigo da banda, já que as vendas via major label não foram lá essas coisas. Ame-os ou os odeie, há que se admitir que os caras têm sido uma das bandas mais ativas no meio punk tanto politicamente quanto musicalmente.

O vinil desse disco tem uma edição exclusiva da Interpunk em “amarelo translúcido”, e você pode encontrar aqui. A edição em vinil acompanha um cupom para baixar todo o disco em MP3.

I’m sitting and thinking of all the beautiful things we could have become

Classics Of Love - Walking In Shadows EP

Se o nome Operation Ivy não diz nada a você, é porque nunca ouviu uma das bandas que mais influenciou toda uma geração de bandas de punk rock/ska/hardcore e afins ao final dos anos 80. Basta dizer que nomes como Reel Big Fish, Aquabats, Millencolin, Green Day e tantas outras foram influenciadas diretamente pelo som desse quarteto da Califórnia, sem contar o Rancid, que conta com metade do Op Ivy (Tim Armstrong e Matt Freeman) em seu line-up.
E por que toda essa lição de história da música?
Porque Jesse Michaels, vocalista do Operation Ivy, está de volta com sua nova banda, chamada  “Classics Of Love”. A banda leva o nome de uma das músicas de outra banda de Jesse, o Common Rider, que já acabou e fazia uma mistura de pop-punk com ska.
Ao contrário do Common Rider, nessa nova banda Jesse trás músicas que puxam muito mais para o hardcore dos anos 80 do que para o punk/ska dos anos 90. O som pode ser considerado uma mistura de The Who, com The Clash, com Husker Du, com Fugazi, com Rites Of Spring (ufa!).

O disco está sendo lançado pela Asian Man Records tanto em vinil quanto em CD, e quem compra a versão em vinil transparente leva junto uma cópia do CD de graça.

Ficou curioso? É só clicar no “PLAY” aí embaixo.

Split

Chuck Ragan / Brian Fallon - Gospel Songs

Chuck Ragan (ex-Hot Water Music) e Brian Fallon (vocalista/guitarrista do Gaslight Anthem) lançam também via Side One Dummy o split de 7 polegadas chamado “Gospel Songs”.
Cada artista contribui com uma faixa, e o vinil teve uma pequena tiragem em cor marrom, para acompanhar a capa, mas ela já acabou.
Você pode encontrar a versão em vinil preto aqui.
O Gaslight Anthem é o que pode ser chamado de “Next Big Thing” na cena punk rock mundial. O último disco deles, ” ’59 Sound” é excelente, foi considerado o melhor disco de rock de 2008 por diversos meios de comunicação e alavancou os caras de forma astronômica (É só procurar a apresentação deles no David Letterman que você vê como o famoso apresentador americano ficou abismado com a qualidade da banda).
Se você ainda não ouviu, está perdendo tempo.

Be All That You Can’t Be

Broadway Calls - Good Views, Bad News

O excelente trio de pop-punk do Oregon, Broadway Calls, finalmente liberou a capa do tão aguardado disco de estreia pela Side One Dummy, que prometeu liberar a pré-venda do mesmo na semana que vem.
Como eu já tinha dito em outro post, o trio lembra muito bandas como Alkaline Trio e Green Day, e vem sendo apontado como a mais promissora das bandas do estilo na atualidade.
Quem já teve a oportunidade de ouvir esse novo trabalho promete que toda a energia pela qual a banda é conhecida em seus shows ao vivo foi captada nessas novas músicas de estúdio e que o álbum é sério candidato a disco do ano.

Não sei quanto ao som, mas essa capa é uma das mais lindas que eu já vi em qualquer disco. Vamos aguardar!

Pick it up!

Streetlight Manifesto - Somewhere In The Between Streetlight Manifesto - Everything Goes Numb

Tomas Kalnoky gravou apenas um disco (Keasbey Nights) com a banda Catch 22, antes de abandoná-la para ir à escola de artes. Depois que o grupo de ska teve sucesso, gravou o segundo disco “Alone In A Crowd”, virou uma das bandas mais respeitadas de ska terceira geração do mundo, quase acabou, e voltou, Tomas resolveu convidar alguns velhos amigos e montar o Streetlight Manifesto.
O tipo de som é extremamente parecido com o Catch 22, um ska rápido com metais bastante presentes e vocais altos. Sem dúvida nenhuma o Streetlight é ao lado de bandas como Mustard Plug e Mad Caddies um dos únicos remanescentes desse estilo, e o representa muito bem.

A Victory Records lançou no ano passado uma versão em vinil azul de “Somewhere In The Between”, terceiro disco da banda, e lança em julho desse ano uma versão em vinil vermelho/transparente de “Everything Goes Numb”, primeiro disco da banda.

Você pode encontrar os dois à venda, respectivamente aqui e aqui.

Teenage Kicks

Undertones - Hypnotised

O Undertones irá relançar, via Salvo Records, o segundo disco da banda, entitulado “Hypnotised”.
Esse disco trás 2 dos singles mais bem sucedidos da banda, “My Perfect Cousin” e “Wednesday Week” além de 6 músicas extras, sendo 3 ao vivo e 3 de estúdio, bem como o vídeo original de “My Perfect Cousin”.
O novo encarte trará um relato do baixista Michael Bradley sobre como era viver em turnê com a banda.

Aparentemente o relançamento só está sendo feito em CD. É esperar pra ver se o pessoal faz uma versão em vinil.

Rapidinhas, rapidinhas

Motorhead

Motorhead - MotorheadMotorhead - What's Words Worth?: Live 1978

A Back On Black Records relançará em Julho 2 clássicos do Motorhead em versões imperdíveis.

“Motorhead” virá em vinil duplo de 180 gramas, na cor cinza e o “What’s Words Worth? Live 1978” em vinil simples de 180 gramas, transparente.
Serão feitas apenas 1.000 cópias de cada um deles e o lançamento está previsto para 28 de Julho.

Subhumans

Subhumans - 29:29 Split VisionSubhumans - Subhumans

Também em Julho serão relançados 2 discos dos punks do Subhumans via Bluurg Records.
“29:29 Split Vision” e “Subhumans” terão versão em vinil de 180 gramas, transparentes e também versão em CD, no formato Digipak.

Big D And The Kids Table

Big D And The Kids Table - Fluent In Stroll

E pra completar a coleção de “Capas bonitas lançadas pela Side One Dummy” de hoje, fica o novo álbum da banda de ska Big D And The Kids Table.
A gravadora lança em 21 de Julho uma versão em vinil duplo de “Fluent In Stroll” que será lançado em 7 de Julho em CD.

Por hoje é isso pessoal.

Espero que vocês tenham gostado das novidades, que continuem acessando o site e vejam as novidades que estão por vir!

Abraços a todos,
Tony Aiex

comments powered by Disqus