NEWS!!NEWS!!NEWS!!

Essa coluna foi originalmente postada no portal Bubblegum Attack.

 
 
 
 


E aí pessoal! Tudo certo?
Sou Tony Aiex e venho com a quarta edição da estimada coluna “I Have More Records Than Friends” aqui via Bubblegum Attack.
Dessa vez vou fazer um pouco diferente e trazer as notícias dos discos mais importantes no meio underground que estão sendo lançados ou que estão no forno quase saindo.
Além disso, trago uma promoção logo abaixo.
Espero que vocês aproveitem!

Mom and Dad Don’t Look So Hot These Days…

Green Day - Insomniac

Continuando o que tinha prometido fazer com todo o catálogo do Green Day,a Reprise Records lança agora o “Insomniac” em Vinil.

Como se pode ver na foto, a capa do discão é como se fosse o encarte do CD todo aberto, mostrando toda a sua belíssima arte. Fora isso não há versão alternativa de música nem faixas-bônus ou coisas do tipo. Vale pra quem é colecionador, e que, assim como eu, pretende colocar uma bela obra de arte na parede e um clássico do punk rock no aparelho de som.

Quem quiser comprar, pode encontra-lo por 17.25 dólares aqui:

http://www.interpunk.com/item.cfm?Item=165990&

Para quem ainda não viu os outros relançamentos em vinil do Green Day, seguem as fotos abaixo com detalhes que vieram colados ao plástico do “Kerplunk!” e do “Dookie“, bem como uma espécie de “panfleto” vermelho escrito: “GREEN DAY New album 2009. 1989 to 2009-EASTBAY PUNK ROCK LIVES!!!.

Green Day - Dookie

Green Day - Dookie

Green Day - Dookie

Há ainda um endereço de Internet: becausesoundmatters.com, que nos leva a uma espécie de “braço” da Warner Bros responsável pela fabricação dos discos de vinil da gravadora.

Atrás do panfleto é possível ver toda a discografia da banda e a promessa de que ela será remasterizada e relançada por completo.

Green Day - Kerplunk

Green Day - Kerplunk

Green Day - Kerplunk

Green Day - Kerplunk

Green Day - Kerplunk

PROMOÇÃO!!!

E é pra comemorar o lançamento do vinil do Insomniac que eu trago a promoção no video abaixo.

Só pra reforçar, o “regulamento” é simples: Quem mandar a resposta CORRETA para o e-mail tony27@gmail.com primeiro ganha um CD do Green Day + um PANFLETO VERMELHO que eu acabei de comentar e que pode ser visto na foto acima.

Dica: NÃO É o fato dos nomes das músicas estarem escritos de forma diferente. Isso é normal, já que no vinil precisa ter LADO A e LADO B.
Participem!

PROMOÇÃO!!!

Prosseguindo…

Invasion USA

O glorioso Riverdales lançará esse ano seu quarto full length pela Asian Man Records. A banda de Ben Weasel e Danny Vapid volta com toda força e um baterista novo, Adam Cargin, que tocava antes por uma banda chamada Blueheels.

Para fazer jus ao status de banda cult no meio bubblegum/pop-punk, a Asian Man caprichou e resolveu lançar 4 cores diferentes do vinil de “Invasion USA”.

As 3 primeiras cores: azul, vermelho e branco são “temáticas”, já que compõem a bandeira de um certo país da América do Norte. Há ainda uma edição exclusiva da Interpunk em vinil verde.

Para comprar o pacote com as 3 cores patriotas, o link é esse
http://stores.channeladvisor.com/vinylhome/Items/am-rvd09.
A versão verde você acha aqui:
http://www.interpunk.com/item.cfm?Item=168666&
.
E viva o 27!

TELEVISION TELEVISION TELEVISION

A Atlantic Records está relançando o clássico do punk rock “Stranger Than Fiction” do Bad Religion.
O disco que tem participações de gigantes como Wayne Kramer do MC5, Tim Armstrong do Operation Ivy / Rancid / Transplants e Jim Lindberg do Pennywise será relançado após 15 anos, no próximo 21 de Julho.

Não há informações sobre faixas-bônus e/ou material extra, porém a Interpunk está vendendo uma edição exclusiva em vinil transparente.

Essa versão transparente está limitada em 500 cópias e é vendida aqui:

https://www.interpunk.com/item.cfm?Item=168986&

A versão em vinil preto pode ser encontrada em quaisquer outras lojas do ramo.

Mike (Country) Herrera?

Pra quem não sabe, Mike Herrera é o baixista/vocalista do conhecido grupo de pop-punk MxPx. Acontece que desta vez, Mike não está sob os holofotes da cena alternativa por causa de seu trio de Bremerton, e sim pelo primeiro lançamento com banda completa de seu projeto paralelo, o Tumbledown.

A banda consiste de Mike Herrera na guitarra/vocais e o grupo Rocky Point All Stars como banda de apoio, com guitarra, baixo stand-up e bateria. O som é uma mistura de alernative country com rockabilly, e pelo que eu tenho lido em sites gringos, tem agradado em cheio.

O disco tem apenas uma versão em CD e a arte da capa é bonita.

Vale tanto para fãs do MxPx quanto para curiosos e fãs de alt. Country.

Cliché Guevara

O mais que hypado Against Me! Lançou em 2007 via Sire Records o seu disco de maior sucesso até hoje, entitulado “New Wave“, que conquistou o coração de editores de revistas de rock pelo mundo afora e lhes rendeu o título de “melhor banda punk do mundo” em uma lista da Rolling Stone.

Antes disso porém, a banda lançou alguns discos na Fat Wreck Chords, sendo um deles o “As The Eternal Cowboy“, de 2003. Esse disco começou a definir o som que a banda faria e trouxe o primeiro single de algum sucesso do quarteto, a música “Sink, Florida, Sink“.

É desse disco que foram resgatadas algumas demos e versões preliminares que estarão em “The Original Cowboy“, disco que será lançado em Julho via Fat Wreck.

São 8 faixas, sendo que todas elas estão presentes também no disco de 2003, porém obviamente em versão finalizada.

O disco sai em CD e LP, e ainda não foram divulgadas informações sobre material extra,nem se haverá cores diferentes do vinil.

RISE

Outra banda que esteve na Fat Wreck antes de ser catapultada para o mainstream é o Rise Against (não é a toa que eu sempre confundo Against Me! com Rise Against…).

E agora eles estão de volta ao seu antigo lar, porém não por vontade própria.

Eu explico: A banda perdeu uma aposta para Fat Mike, dono da Fat Wreck e vocalista/baixista do NOFX (não divulgaram qual foi o teor da aposta…), e o gordo pediu um disco 7″ com 2 músicas inéditas para ser lançado em seu selo. Como aposta é aposta, a banda liberou “Grammatizator” e “Voice Of Dissent” , 2 músicas inéditas das sessões do último full length da banda, o “Appeal To Reason” que não serão lançadas em mais lugar nenhum.

São 1.000 cópias em vinil vermelho e 4.000 cópias em vinil preto. Depois disso, adiós, é sentar e chorar.

Spirit of 76

O Cock Sparrer, uma das bandas mais conhecidas de oi! / streetpunk de todos os tempos está finalmente lançando seu sexto disco de estúdio nos EUA, e aproveitou para fazê-lo em grande estilo.

A versão americana de “Here We Stand” saiu dia 19 de Maio e conta com uma versão em vinil colorido que vem com o CD do disco completo, bem como um DVD bônus. Além disso tudo a gravadora Pirates Press ainda preserva toda a arte original como encarte, fotos e letras.

Uma curiosidade: o Cock Sparrer AINDA está na ativa (a banda surgiu antes dos Sex Pistols) e nesse final de Maio tocou na Alemanha com uma banda que de street punk não tem nada: Me First And The Gimme Gimmes. Alguém aí consegue imaginar tiozões punks moicanudos ouvindo os excelentes Gimme Gimmes tocando “I Believe I Can Fly” ?? Eu não..

Bandas rápidas, notícias idem

O Bad Brains irá relançar o EP “The Omega Sessions” em vinil de 10″, via Victory Records. O disco virá em cor cinza e fotos exclusivas, bem como arte original preservada.

A Porterhouse Records irá relançar o disco “Golden Shower Of Hits” da lendária banda de punk californiana Circle Jerks. Será prensada uma versão em vinil, ainda sem informação de extras, cores do disco, e arte.

O The Vibrators irá lançar um novo disco chamado “Garage Punk“, só de covers de artistas dos anos 60 como Buddy Holly, MC5 e The Sonics. O disco sairá em CD e LP via Cleopatra Records.

O Minor Threat relancou o EP “Salad Days” via Dischord Records agora em 26 de Maio. Esse EP foi o ultimo da banda, e o vinil de 7″ tras um cupom para download do mesmo em MP3, quando comprado via Dischord Records.

Por hoje é isso pessoal!

Fico esperando os e-mails com a resposta para o desafio, e boa sorte a todos!!
(ouçam BOMB THE MUSIC INDUSTRY!)
Na próxima coluna tem mais.

Abraços.

 
 
 
 
comments powered by Disqus